F1

Kubica diz que “ficaria surpreso” se Williams evoluir na China e traça meta: “Fazer o melhor com o que tem”

Robert Kubica admitiu que sequer sabe se a Williams vai disputar o GP da China com atualizações no FW42. Realista sobre a performance do carro neste fim de semana em Xangai, o polonês acredita que, se houver alguma melhora, vai ser simplesmente por conta das condições climáticas e das características da pista

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré

Desde o primeiro e todos os GPs 'centenários' da história da Fórmula 1
🎥 F1 erra com GP 1000 na 'sem sal' China. Interlagos seria o palco ideal


Robert Kubica chega a Xangai para encarar o GP da China nada animado com as possibilidades da Williams neste fim de semana da milésima corrida da história da F1. O polonês, que vai fazer sua terceira prova desde que regressou ao grid do Mundial, se mostrou pouco confiante na capacidade de melhora do carro da Williams e acredita que, se houver alguma evolução, vai ser unicamente em razão do clima mais frio e também das características da pista de Xangai.
 
Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (11), Kubica ressaltou o fato de que os três circuitos deste início da temporada trazem características muito distintas entre si.
 
“As três primeiras pistas são muito diferentes umas das outras. A Austrália, por não ser um circuito permanente, o Bahrein, por conta das limitações da traseira e do desgaste exercido nos pneus traseiros”, explicou.
Robert Kubica não tem esperanças em ver um melhor desempenho da Williams na China (Foto: Beto Issa)
“Aqui está um pouco o que eu teria de dizer que é provavelmente como a Austrália. Mas, por outro lado, você tem uma reta muito longa, onde é mais complicado quanto ao downforce e em termos de arrasto, além das temperaturas. Definitivamente, parece que vai ser frio, então isso é algo que temos de ver como nosso carro vai reagir”, acrescentou o polonês.
 
“Mas vou ficar surpreso se pudermos esperar alguma coisa muito diferente. Espero que algo seja diferente, mas se for melhor, vai ser apenas por causa das condições e a pista e não por outras coisas. Vamos esperar e ver, mas, novamente, a meta e o objetivo vão ser sempre os mesmos, tentar fazer o melhor a partir daquilo que você tem”, complementou Kubica, que revelou não saber se a Williams vai contar com peças novas neste fim de semana.
 
Quanto à temperatura neste fim de semana de GP da China, apenas no sábado há previsão de que os termômetros ultrapassem os 20ºC de temperatura ambiente. Para domingo, a meteorologia, de acordo com o site especializado ‘Accuweather’, aponta 55% de chance de chuva.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da China AO VIVO e EM TEMPO REAL. O primeiro treino livre está marcado para as 23h (de Brasília) da quinta-feira. Os horários completos estão abaixo.
 

Confira a programação do fim de semana do GP da China de F1
Horários de Brasília, GMT -3

SESSÃO DIA DATA HORA
TL1 Quinta 11/4 23h
TL2 Sexta 12/4 3h
TL3 Sábado 13/4 0h
TC Sábado 13/4 3h
GP Domingo 14/4 3h10

Fórmula 1 2019 AO VIVO 🇨🇳 
Acompanhe todos os treinos livres, classificação e o GP da China aqui


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.