Kubica vê DTM como “maior probabilidade”, mas admite acumular funções

Robert Kubica afirmou que já decidiu qual será seu futuro após deixar a Fórmula 1. O polonês colocou o DTM como “maior probabilidade”, mas admitiu que está aberto a acumular funções

Robert Kubica já bateu o martelo e decidiu qual será seu futuro após deixar a Fórmula 1. O polonês, porém, não quis dar detalhes, mas colocou o DTM como “maior probabilidade”.
 
Kubica, entretanto, ressaltou que está aberto a acumular funções, desde que tenha uma vaga para correr em tempo integral.
 
“Do meu lado, a decisão foi tomada”, disse Kubica. “Eu não quero entrar muito em detalhes agora, são coisas um pouco mais complicadas e nós temos de garantir que vamos fazer funcionar de perspectivas e pontos diferentes”, seguiu.
Robert Kubica (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Paddockast # 43
QUAL FOI O MELHOR GP DO BRASIL QUE VOCÊ ASSISTIU?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

“Tomara que, quando for resolvido, seja um procedimento de escalada, e isso deve acontecer em breve. Já estava pensando em setembro que seria em breve, mas estamos quase em dezembro. Mas estou bem otimista”, contou.
 
Ainda, Kubica afirmou que deseja acumular funções, mas quer ter uma vaga para correr permanentemente.
 
“Eu gostaria de combinar dois programas diferentes. É um pouco mais de trabalho e mais compromissos, mas vamos ver o que será possível. Mas os ingredientes estão todos lá, então é só uma questão de misturá-los adequadamente”, explicou.
 
Perguntado sobre suas impressões sobre o DTM, Robert avaliou que é o “campeonato mais duro” na Europa fora a F1.
 
“Estou correndo, procurando um grande desafio e, definitivamente, o DTM, que é a maior probabilidade para eu correr, é provavelmente o campeonato mais duro fora a F1 na Europa”, avaliou. “Estamos nos juntando a pilotos de muito alto nível em um campeonato muito especifico. Não é fácil para um novato”, observou.
 
“Se eu conseguir correr lá, ficaria feia. E, como disse, se conseguir combinar algumas coisas para deixar todo mundo feliz, estou aberto a isso”, concluiu.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar