Norris vê mudança no estilo de pilotagem como necessária para se adaptar ao MCL36

Para Lando Norris, mudar o estilo de pilotagem pode ser um caminho mais fácil para aprimorar a adaptação ao MCL36

AS 10 VEZES QUE A FIA INTERFERIU (E MUITO) NAS CORRIDAS DA FÓRMULA 1

A Fórmula 1 entra numa nova era em 2022. Com novos conceitos de carro e um inédito regulamento técnico, as equipes já lançaram suas apostas para esta temporada — e, diga-se de passagem, com propostas bem diferenciadas. O MCL36 da McLaren, por exemplo, é um dos carros ousados. E para Lando Norris, uma forma de domá-lo e melhor se adaptar às novas configurações é alternar o estilo de pilotagem.

“Tenho passado muito tempo no simulador, não apenas guiando o carro, mas me preparando para pilotá-lo de maneiras diferentes e estar pronto para pilotar em diferentes estilos por causa disso”, disse ele, em entrevista coletiva.

“Eu diria que nosso carro tem sido bastante específico nos últimos anos em como pilotá-lo e como obter desempenho dele. Isso se mostrou através da vinda de Daniel [Ricciardo] para pilotar o carro. Acho que é o caso de alguns carros são mais fáceis de se adaptar do que outros”, acrescentou.

O MCL36 para a temporada 2022 da F1 (Foto: McLaren)

Mudar o estilo de direção é uma das saídas para o jovem britânico. Mas ele aponta que a tarefa não é tão simples e, por isso, muitos pilotos podem ter as mesmas dificuldades de adaptação que seu companheiro de equipe sofreu em 2021.

“Eles [pilotos] podem se adequar a um estilo de direção diferente com mais facilidade do que outros, e pode ser difícil para mim”, reconheceu Norris. “Mas isso é a vida, certo? Você tem de lidar com isso”, completou.

“Antes da F1 eu tinha de lidar com isso em todas as categorias que eu fazia. A cada ano eu tinha de me adaptar a algo novo e tentar tirar o máximo disso. Foi comprovado por campeões e vencedores de corridas que um carro de F1 não é uma coisa fácil de entender, o que senti que o fiz no ano passado e foi com isso que Daniel sofreu”, seguiu.

“Espero que [o carro] se adeque ao meu estilo de pilotagem e que tudo seja legal, mas definitivamente haverá coisas às quais eu terei de me adaptar. Este [carro] é muito diferente, e será diferente para mim e diferente para Daniel”, concluiu.

GRANDE PRÊMIO cobre in loco a primeira semana de testes da Fórmula 1 no Circuito de Barcelona-Catalunha com Eric Calduch. 

ALPINE APRESENTA A522, CARRO PARA A TEMPORADA 2022 DA FÓRMULA 1 | React
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar