Lauda vê críticas contra Verstappen como “totalmente justificáveis” e lamenta: “Não tem noção de que errou”

Niki Lauda, tricampeão de F1, acredita que Max Verstappen “foi muito além do limite” durante o GP da Bélgica. O piloto da Red Bull é criticado por conta das defesas exageradas durante disputa com Kimi Räikkönen

Niki Lauda se juntou ao grupo cada vez maior de críticos ao estilo de pilotagem de Max Verstappen, grande polêmica do GP da Bélgica. De acordo com o tricampeão da F1, hoje dirigente da Mercedes, o holandês cometeu dois grandes erros em Spa-Francorchamps: os bloqueios exagerados contra Kimi Räikkönen e não admitir que cometeu um erro.
 
“Pilotos não deveriam se colocar em perigo desnecessariamente. Ele passou do limite quando não havia necessidade. O cara não tem a noção de que cometeu um erro”, apontou Lauda.
Niki Lauda não concorda com a postura de Max Verstappen (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Räikkönen, vítima das manobras de Verstappen, também expressou seu temor em relação à postura do rival, dizendo que a F1 “não é lugar para bobagem”. Verstappen contra-atacou, dizendo que os críticos deveriam “se envergonhar”.
 
Mas, no entendimento de Lauda, as críticas são justificáveis. E até uma conversinha com o pai Jos Verstappen poderia cair bem.
 
“As críticas são totalmente justificáveis, e o Max precisa de um psiquiatra se pensa que a culpa foi do Kimi. O rapaz é um grande talento, mas, se ele não consegue compreender que fez algo errado, vou precisar falar com o Jos (Verstappen) e sugerir uma conversa com o filho. Isso foi muito além do limite”, finalizou.
 
Apesar do tempo fechado entre os pilotos, a F1 segue para o GP da Itália já neste final de semana. A corrida de Monza será disputada neste domingo (4).
PADDOCK GP #44 DEBATE VITÓRIAS DE ROSBERG EM SPA E DE RAHAL NO TEXAS

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube