Hamilton pede renovação de Bottas na Mercedes: “Não vejo necessidade de mudar”

Lewis Hamilton confirmou que iniciou negociações para renovar vínculo com a Mercedes e pediu publicamente para a equipe renovar com Valtteri Bottas para 2022. Heptacampeão se recusou a responder sobre George Russell

Abu Dhabi revelou as mudanças no circuito de Yas Marina já a partir de 2021 (Vídeo: Reprodução)

Se a Mercedes ganha os holofotes no mercado de pilotos, o heptacampeão mundial Lewis Hamilton já tem um posicionamento sobre seu companheiro de equipe para 2022. Na coletiva de imprensa do GP da Estíria, realizada nesta quinta-feira (24), o inglês defendeu a renovação de contrato do finlandês Valtteri Bottas para mais uma temporada.

Hamilton, que também tem contrato expirante com a equipe de Brackley, elogiou bastante o finlandês, que ainda não venceu em 2021 e ocupa apenas a quinta posição no Mundial de Pilotos. Lewis também confirmou que já iniciou as negociações para renovar contrato com o time no qual compete desde 2013.

“Já começamos as negociações. Nada muito a dizer, mas já começamos a negociar e as coisas estão positivas. Valtteri é meu companheiro de equipe agora. Nós dois já tivemos nossos altos e baixos nas carreiras. Ele é um companheiro de equipe fantástico e não vejo necessidade de mudar”, declarou Lewis.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

LEIA TAMBÉM: Hamilton mostra preocupação com casa cheia em Silverstone: “Um pouco prematuro”

Lewis Hamilton elogiou Valtteri Bottas (Foto: Mercedes)

Hamilton também foi firme ao responder sobre a possibilidade de George Russell, da Williams, se tornar o novo companheiro de equipe na Mercedes. O jovem inglês substituiu Lewis durante o GP de Sakhir do ano passado, quando o campeão precisou se ausentar ao testar positivo por Covid-19, e impressionou ao liderar o maior número de voltas da corrida.

“Bem, ele não é meu companheiro de equipe atualmente, então não preciso dizer nada”, afirmou o heptacampeão.

Para o GP da Estíria, Lewis entra em desvantagem no Mundial, 12 pontos atrás do líder Max Verstappen. O inglês acredita que é importante que a Mercedes melhore a comunicação durante a prova, e voltou a elogiar o papel de Bottas no time.

“Vamos continuar trabalhando como uma equipe. Trabalhamos bem por muitos anos. Como sempre disse, Valtteri tem sido o melhor companheiro de equipe no geral. E quando digo isso, não é apenas sobre performance, é sobre a moral do time, em como você trabalha no ambiente de companheiro de equipe. Vamos continuar melhorando a nossa comunicação e esperamos melhorar”, concluiu.

MERCEDES x RED BULL: A BRIGA AGORA É MOTOR NA GUERRA DA F1 | GP às 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar