Liberty Media prepara terreno para retorno da F1 a Las Vegas e aciona até registro de marcas e patentes

De acordo com documentos obtidos pelo diário ‘Las Vegas Review-Journal’, o Liberty Media acionou o departamento de Registro de Marcas e Patentes dos Estados Unidos para registrar marcas relacionadas ao GP de Las Vegas. O mesmo procedimento também foi feito para eventuais etapas da F1 em Nova Iorque e Miami

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Aos poucos, bem quietinha, a F1 vai preparando terreno para voltar a Las Vegas. A cidade é vista pelo Liberty Media como um dos possíveis destinos de uma segunda prova do Mundial nos Estados Unidos. Palco da categoria em 1981 — ano em que Nelson Piquet conquistou seu primeiro título mundial — e 1982, no gigantesco estacionamento do hotel Caesars Palace, Las Vegas entra novamente no radar da F1. E agora tem uma série de marcas relacionadas ao GP de Las Vegas no departamento de Registro de Marcas e Patentes dos Estados Unidos.

 
A informação foi publicada no último fim de semana pelo diário ‘Las Vegas Review-Journal’. O periódico informa também que o Liberty Media também realizou procedimentos semelhantes de registro sobre um eventual GP de F1 em outras duas cidades dos Estados Unidos: Nova Iorque e Miami, outros dois destinos muito desejados pelo Liberty Media. Los Angeles não foi citada pela publicação.
A F1 também deseja fazer parte do brilho de Las Vegas (Foto: Getty Images)
Tal iniciativa é uma forma de se antecipar e garantir o registro das marcas para uma eventual chegada da F1 nos Estados Unidos. A vontade do Liberty Media, e também era de Bernie Ecclestone, é a realização de um segundo GP de F1 nos EUA.
 
Um dos responsáveis pelo turismo de Las Vegas, Pat Christenson, presidente do departamento de eventos da cidade, disse que um eventual GP nas ruas da cidade ainda é visto como especulação no momento. “Até onde sabemos, não há nada para confirmar”, ponderou.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Contudo, o novo diretor de comunicações da F1, Luca Colajanni, confirmou o interesse do Liberty Media em buscar um segundo destino nos Estados Unidos.

 
“Estamos explorando um número de possíveis lugares para um GP de F1 em vários países. Jamais escondemos que estamos buscando algumas cidades como destino e, quanto aos EUA, Las Vegas foi mencionado junto com Miami e Nova Iorque. Fazem parte de um número de cidades ao redor do mundo que mostraram interesse em receber um GP”, disse o italiano.
FALTA DE HONESTIDADE

PERDA DE ETAPA DA FÓRMULA E É DESASTROSA PARA SÃO PAULO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube