F1

Líder do dia e novo recordista de Marina Bay, Räikkönen diz: “Poderia ter guiado um pouco melhor”

Kimi Räikkönen foi o mais rápido da quente sexta-feira de treinos livres em Singapura. Mas o finlandês não ficou tão satisfeito assim com sua volta mais rápida, novo recorde da pista, e deixou claro que ainda há muito mais por vir
Warm Up / FERNANDO SILVA, de Sumaré
 Kimi Räikkönen (Foto: AFP)
A sexta-feira (14) que abriu a programação do fim de semana do GP de Singapura teve em Kimi Räikkönen seu principal nome. O ‘Homem de Gelo’, que está de partida da Ferrari ao fim da temporada, liderou a segunda sessão e registrou a volta mais rápida da história no circuito urbano: 1min38s699. Mas segundo o veterano, o tempo poderia ter sido ainda melhor.
 
“No primeiro treino nós checamos as mudanças feitas e parece que tudo funcionou bem. Claro que, no segundo treino, poderia ter guiado um pouco melhor. Passei pelas zebras na minha volta mais rápida, então nós perdemos um pouco de tempo, mas, no geral, foi bem tranquilo”, comentou Kimi pouco depois da sessão desta noite.
 
O piloto, que vem em boa fase depois da corrida realizada há duas semanas, em Monza, seguiu o discurso proferido pelo companheiro Sebastian Vettel e espera uma batalha bastante equilibrada entre as equipes na sequência dos trabalhos na cidade-estado.
Kimi Räikkönen disse que tempo de volta poderia ter sido ainda melhor (Foto: AFP)
A volta mais rápida de Räikkönen foi apenas 0s011 mais rápida em relação a Lewis Hamilton, segundo colocado, enquanto a Red Bull fez dobradinha com Daniel Ricciardo e Max Verstappen no treino da manhã. À noite, o melhor carro taurino foi do jovem holandês, que ficou 0s5 atrás da marca de Kimi.
 
“Acho que vai ser bem apertado. Nós só precisamos deixar as coisas em ordem e consertar algumas coisas, mas acho que os pneus funcionaram como o esperado e eles parecem estar ok, então vamos ver”, salientou o dono do carro #7, que ressaltou o alto desgaste dos pneus mais rápidos do fim de semana. “Os hipermacios não duram tanto quanto os outros pneus, mas isso é algo que nós já sabíamos”, concluiu.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todo o fim de semana do GP de Singapura de F1. Siga tudo aqui.