Lotus chega a acordo com fornecedora e afasta pedido de liquidação feito na Suprema Corte de Justiça da Inglaterra

A Xtrac, fornecedora de componentes do câmbio para a Lotus, anunciou que chegou a um acordo com a equipe de Enstone duas semanas após entrar com um pedido de liquidação na Suprema Corte de Justiça da Inglaterra

A Lotus conseguiu aparar as arestas de seu último problema judicial e chegou a um acordo para acabar com o pedido de liquidação feito pela fornecedora de componentes para o câmbio, Xtrac, sem que o caso precise ir ser julgado pela Suprema Corte de Justiça da Inglaterra. A empresa anunciou um acordo entre as partes nesta segunda-feira (20).
 
No começo de mês, a Suprema Corte adiou a audiência do pedido de liquidação sobre a justificativa de que estava dando um tempo para que as partes se acertassem. A audiência foi marcada para esta segunda, quando as partes informaram sobre o acordo.
Pastor Maldonado (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)
"Xtrac e Lotus deram os passos mais importantes para resolver a questão fora a corte. Estamos ansiosos por continuar trabalhando numa relação positiva com a Lotus. A Xtrac não tem outros comentários por agora", disse um porta-voz ao site inglês 'Motorsport.com'.
 
O fato acaba confirmando o que disse o diretor-geral da equipe de Enstone, Matthew Carter, duas semanas atrás, quando garantiu que as conversas já se encontravam perto do fim e um meio termo seria alcançado.
 
No Mundial de Construtores em 2015, a Lotus tem 29 pontos e é a sexta colocada. No próximo final de semana, a F1 se agrupa em Hungaroring para o GP da Hungria, que o GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e EM TEMPO REAL.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube