F1

Magnussen critica “estúpida” punição na Rússia: “A FIA não tinha que fazer nada”

Kevin Magnussen foi nono colocado no GP da Rússia, mas se revoltou contra a punição de cinco segundos que recebeu por cortar caminho. Dinamarquês comentou que os cinco segundo que o fizeram perder o oitavo lugar ofuscaram seu retorno aos pontos

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Após um jejum de quatro corridas, Kevin Magnussen voltou a pontuar. O dinamarquês da Haas, de contrato renovado para 2020, ficou com o nono lugar no GP da Rússia, mas a impressão é de que poderia ter sido mais.
 
Magnussen cruzou a linha de chegada em oitavo, mas recebeu uma punição de cinco segundos por sair da pista e levar vantagem na curva 2, ficando atrás de Lando Norris. O piloto comentou que a sanção tira um pouco do gosto dos pontos, que não apareciam desde a Alemanha.
 
"Estou feliz, realmente feliz pela corrida, satisfeito com a performance hoje, mas fica ofuscado por isso. Eu achei que foram muito duros, sem dúvida. Isso é besteira. Temos a curva 2, que é uma bosta de curva, é estúpido, apenas coloque brita ali ou coisa parecida", comentou.
Kevin Magnussen (Foto: Haas)
No ponto de vista de Magnussen, a punição não foi justa pela quantidade de tempo que perdeu por sair da pista. Ele disputava o sétimo lugar com Sergio Pérez na ocasião.
 
"Não sou especialista em segurança e nunca serei. O que aconteceu foi que errei a curva, passei sobre sujeira na parte de fora, perdi tempo e fui punido por algo que fiz. A FIA não tinha que fazer nada, não era nem para bandeira preta e branca, e mesmo assim me deram uma punição", seguiu.
 
Magnussen também afirmou que comentará sobre a situação do próximo briefing dos pilotos com Michael Masi, diretor de provas. A F1 retorna em duas semanas, com o GP do Japão.
 
"O que posso fazer? Eu sei que eles vão olhar. Sinto que erraram e que vão olhar para fazer algo melhor na próxima. São humanos, também erram, mas espero que vejam que erraram", concluiu.
 

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.