Magnussen elogia Renault após incêndio no TL1 e brinca: “Esperávamos que fosse quente em Sepang, mas não tanto”

Kevin Magnussen elogiou a reação da Renault ao incêndio que atingiu seu carro ainda no início do primeiro treino livre. Piloto brincou dizendo que não esperava que fosse tão quente na Malásia

Kevin Magnussen passou por um grande susto na manhã desta sexta-feira (30) em Sepang. Depois de completar a primeira volta de instalação nos minutos iniciais do treino livre que abriu as atividades para o GP da Malásia, a Renault do dinamarquês sofreu um início de incêndio no pit-lane, enquanto os mecânicos empurravam o carro de volta aos boxes.
 
Avisado pelos mecânicos da equipe francesa, Magnussen saltou rapidamente de dentro do carro e não se feriu. O fogo surgiu intenso da abertura acima do cockpit. Os funcionários da esquadra gaulesa rapidamente acionaram os extintores de incêndio para controlar as chamas.
 
Ao fim das atividades desta sexta, Magnussen elogiou a atuação da Renault e ainda encontrou um jeito de brincar com a situação.
Fogo assustou Kevin Magnussen no primeiro treino na Malásia (Foto: Reprodução/Renault)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

“Nós esperávamos que fosse quente em Sepang, mas talvez não tão quente assim!”, brincou Magnussen. “Minha equipe foi ótima lidando com o fogo e colocando o carro de volta à ação nesta tarde”, elogiou.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

“Da minha perspectiva, ouvi a mensagem pelo rádio para pular para fora e não precisaram mandar duas vezes”, contou. 
 
Apesar do incidente, a Renault conseguiu colocar Kevin de volta na pista para o treino da tarde e dinamarquês assegurou o 19º tempo. O #20 fez sua melhor volta em 1min37s664 e ficou a 2s720 de Lewis Hamilton, o líder.
 
“De tarde, nós conseguimos fazer algumas voltas, então o dia não foi desperdiçado. O carro está escapando um pouco demais de traseira com o setup inicial, mas nós sabemos onde queremos melhorar”, completou.
 
A Renault segue investigando a causa do incêndio, mas Fred Vasseur, chefe do time, apontou um problema com o sistema de combustível.
 
“Foi, com certeza, alguma coisa com o sistema de combustível, mas nós estamos investigando”, disse Vasseur em entrevista ao site norte-americano ‘Motorsport.com’. 
 
Falando à emissora inglesa Sky, Nick Chester, diretor-técnico da Renault, contou que a equipe estava usando algumas peças experimentais.
 
“Nós tivemos vazamento de combustível de um respiro. Nós estávamos rodando com o tanque cheio e com algumas peças experimentais em preparação para o México, então era um setup diferente do outro carro”, contou.

#GALERIA(6807)
PADDOCK GP #48 RECEBE DENNIS DIRANI E DISCUTE MOTOGP, STOCK CAR E F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube