Maldonado diz que só orçamento impede Lotus de brigar com Ferrari pelo posto de segunda força na F1

Pastor Maldonado disse que a Lotus tem um ótimo carro, mas, como não pôde desenvolvê-lo ao longo do ano, precisa se contentar em brigar apenas por pontos na reta final da temporada

A diferença entre a Lotus e a Ferrari na F1 2015 está no orçamento. Essa é a avaliação do piloto venezuelano Pastor Maldonado, que defende o time auri-negro desde a temporada passada.
 
A Ferrari é a vice-líder do Mundial de Construtores com 359 pontos e três vitórias no ano. A Lotus aparece na sexta colocação com 66 pontos e apenas um pódio, o terceiro lugar de Romain Grosjean no GP da Bélgica.
 
Mas, para Maldonado, está claro fator que separa os dois times.
Pastor Maldonado terminou quatro vezes na zona de pontuação em 2015, totalizando 22 pontos (Foto: AP)
“O suporte que temos na fábrica e a qualidade das pessoas que trabalham na equipe é um dos melhores na F1. O único problema é o financeiro. Temos o mesmo carro desde o início da temporada e ainda estamos brigando por pontos, então consegue imaginar a situação se tivéssemos como desenvolver o carro?”, argumentou o piloto.
 
“Se tivéssemos potencial para desenvolver o carro na direção correta, talvez não estivéssemos vencendo corridas como a Mercedes, já que eles têm tudo o que precisam para estar onde estão agora, mas nós estaríamos muito mais perto da Ferrari e da Williams”, disse.
 
“Não sei se seríamos a segunda força, mas com certeza brigaríamos para ser. Ou atrás da Ferrari, ou perto da Ferrari. É sempre difícil prever, mas com certeza seria melhor do que onde estamos. É um carro muito bom”, completou.
 
Maldonado, que venceu o GP da Espanha de 2012 com a Williams, tem como melhores resultados sétimos lugares nos GPs do Canadá, da Áustria e da Rússia. Ele ocupa a 14ª posição no Mundial de Pilotos, o que o daria, por enquanto, a melhor temporada de sua carreira na F1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube