Marciello faz companhia a Nasr e guia carro da Sauber nos testes coletivos após GP da Áustria

Desta vez, contudo, Raffaele Marciello vai pilotar apenas o C34, enquanto a Ferrari vai com Antonio Fuoco e Esteban Gutiérrez. O italiano guia o carro azul e amarelo de Hinwil na próxima terça-feira (23), enquanto Felipe Nasr fecha o cronograma do time suíço na quarta-feira em Spielberg

A Sauber confirmou Felipe Nasr e Raffaele Marciello como pilotos no segundo e último teste coletivo intertemporada que a F1 promoverá em 2015. Na próxima semana, entre terça e quarta-feira (23 e 24 de junho), a categoria realizará uma sessão de treinos no Red Bull Ring, palco do GP da Áustria, que será disputado no domingo. Depois de a Ferrari anunciar o novato Antonio Fuoco e o reserva Esteban Gutiérrez, a escuderia de Hinwil anunciou sua dupla para as atividades de pista.

Em Barcelona, dias após o GP da Espanha, a Sauber colocou na pista o reserva Marciello e o titular Marcus Ericsson. Em Spielberg, é Nasr quem vai guiar o C34, enquanto o jovem italiano, piloto da GP2 e ligado à Academia da Ferrari, foi novamente convocado pela escuderia suíça.

Cria da Ferrari, Marciello pilotará apenas a Sauber na sessão de treinos coletivos da F1 na Áustria (Foto: F3 Europeia/Divulgação)

Mas diferente do que aconteceu na Espanha, desta vez Marciello só terá um dia de treinos, uma vez que a Ferrari optou pelo jovem Fuoco para acelerar o SF15-T no traçado austríaco. Raffaele volta a guiar um F1 justamente depois dos treinos na Catalunha em maio, quando se dividiu entre Sauber e Ferrari.

A programação da Sauber para os testes no Red Bull Ring coloca Marciello na pista na próxima terça-feira, enquanto Nasr fecha as atividades na quarta.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube