F1

Massa admite erro na escolha dos pneus de chuva para largada e resume GP de Singapura: “Foi um desastre”

Felipe Massa reconheceu que cometeu um erro na escolha dos pneus para o início da corrida em Singapura neste domingo (17). O brasileiro se disse decepcionando e afirmou que a prova asiática foi um desastre. O único lado positivo, segundo Massa, foram os pontos somados por Lance Stroll
Warm Up / EVELYN GUIMARÃES, de Curitiba
 Felipe Massa (Foto: Williams)

"Foi um desastre para mim". Assim Felipe Massa resumiu o 11º posto alcançado na acidentada corrida em Singapura neste domingo (17). E tudo começou com a má escolha de pneus. Pouco antes da largada da prova asiática, a 14ª da temporada, a chuva se fez presente, forçando uma alteração na estratégia das equipes. O brasileiro assumiu a culpa pela opção pelos compostos para pista muito molhada. Segundo Felipe, os pneus de risca azul se mostraram inconsistentes e limitaram sua performance na primeira parte da corrida.
 
Tanto foi assim que Massa foi aos boxes na volta 17 para trocar para os intermediários e, depois, ainda teve voltar aos pits para buscar os slicks ultramacios na 24ª passagem. O veterano ainda fez uma terceira mudança, no giro 37, quando optou por um jogo novo dos compostos de marca roxa.
 
"Estou realmente decepcionado com a minha corrida", afirmou o piloto da Williams. "Antes de tudo, eu comecei a corrida com os pneus errados, e essa foi uma decisão minha, mas acho que, neste momento, você nunca sabe o que vai acontecer", completou.
Felipe Massa enfrentou dificuldades na sexta-feira de treinos em Singapura (Foto: Williams/Twitter)

"Muitos carros decidiram o mesmo que eu, mas muitos foram por caminhos diferentes, o erro foi meu. Então, eu não estava bem nenhuma parte da pista, estava muito lento", relatou Massa.
Felipe, então, falou que a única chance de tentar se recuperar foi esperar a pista secar. "Quando o safety-car entrou, eu pedi à equipe para parar, mas a equipe decidiu me deixar na pista. Eles disseram que, talvez, fosse melhor porque a pista iria secar. Eu estava atrás, então era a minha única chance na prova."
 
"No fim, eu estava realmente muito lento e a minha corrida estava acabada. Eu estou decepcionado. Não pela equipe porque Lance (Stroll) conseguiu ainda somar pontos. No fim, poderia até ter sido pior, principalmente se olharmos de onde estávamos no grid, então não foi tão ruim para o time, mas, para mim, foi um desastre", concluiu.
 
Atualmente, Massa ocupa a 11ª posição da tabela de classificação, com 31 pontos, três a mais que o companheiro Stroll. A F1 volta daqui a duas semanas com o GP da Malásia.
ALONSO SEM HONDA EM 2018?

É CAPAZ DE A TORO ROSSO IR BEM E A RENAULT FALHAR NA MCLAREN