Massa destaca que Williams usou todas as atualizações que levou ao GP da Áustria. O que é bom e ruim ao mesmo tempo

Felipe Massa elogiou o trabalho eficiente da Williams para desenvolver o carro ao longo do ano. Mas este trabalho precisa ser ainda melhor para a equipe alcançar de fato a Ferrari nas próximas corridas

Massa usa experiência para chegar ao 40º pódioMassa se torna nono piloto a alcançar 1000 pontos na história
A Williams levou atualizações para o GP da Áustria, usou todas elas e conseguiu subir ao pódio com Felipe Massa. Isso é ótimo, claro. O que é ruim: ainda não foi o bastante para alcançar o rendimento da Ferrari. Todavia, o piloto brasileiro confia que seu time ainda pode melhorar.
 
Massa destacou que o ritmo da Ferrari ainda foi superior na corrida no Red Bull Ring. Ele estava em quarto na primeira parte da prova e ganhou a posição de Sebastian Vettel após um pit-stop desastroso da equipe italiana.
 
No fim da prova, Vettel reduziu ao visual a desvantagem em relação a Massa, porém não conseguiu ultrapassá-lo.
A Williams levou um pacotão de atualizações ao GP da Áustria (Foto: AP)
“Tudo o que trouxemos para cá, estamos usando no carro. Então com certeza precisamos fazer com que estas peças fiquem ainda melhores”, declarou Massa.
 
Para o piloto, trata-se de algo “definitivamente positivo”, mas é uma verdade que o FW37 ainda é o terceiro melhor carro do grid.
 
“Não podemos esquecer que a Ferrari tem um carro forte. Eles foram um pouco mais rápidos do que eu, então precisamos forçar e tentar fazer este carro ser talvez um pouco mais rápido. Então vamos poder brigar em um bom nível, talvez até sendo mais rápidos nas próximas corridas. É o que queremos”, afirmou.
 
“Ainda há mais trabalho a ser feito, alguns detalhes em que precisamos melhorar. Mas eu tenho certeza de que vamos fazer isso”, completou. 
 
Com Valtteri Bottas na quinta posição, a Williams conseguiu, na Áustria, somar mais pontos que a Ferrari pela segunda vez no ano. A primeira havia sido há duas semanas, no GP do Canadá.
 
A vantagem italiana no Mundial de Construtores, entretanto, ainda é grande: 192 a 129.
 
A próxima etapa do campeonato é o GP da Inglaterra, em Silverstone, outra pista onde a Williams espera novamente ter um desempenho satisfatório. Antes, o time participa dos dois dias de testes coletivos no Red Bull Ring. A escocesa Susie Wolff guia na terça-feira e Bottas assume o cockpit do FW37 na quarta.

A classificação atualizada do Mundial de F1Os lances capitais do GP da Áustria

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube