Massa e dois novatos são multados por excesso de velocidade no pit-lane nos treinos em Melbourne

Felipe Massa e os estreantes Esteban Gutiérrez e Valtteri Bottas foram multados por ultrapassarem o limite de velocidade de 60 km/h no pit-lane do circuito de Albert Park no primeiro dia de treinos visando o GP da Austrália, nesta sexta-feira (15)

 

 As imagens desta sexta-feira em Melbourne
 A volta virtual em Melbourne, narrada por Alonso
 Especial F1 2013, a temporada que vem com rótulo de imprevisível

O primeiro dia de treinos livres visando o GP da Austrália, prova que abre a temporada 2013 do Mundial de F1, foi bastante aproveitado pelos pilotos, que aceleraram suas máquinas no belo circuito de Albert Park, em Melbourne, nesta sexta-feira (15). Entretanto, três dos 22 pilotos que foram à pista no circuito australiano aceleraram demais no pit-lane e foram multados pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo).

Felipe Massa, que começa sua oitava temporada consecutiva como titular da Ferrari, e os novatos Esteban Gutiérrez, da Sauber, e Valtteri Bottas, da Williams, cruzaram o pit-lane em velocidades acima dos 60 km/h previstos pelo regulamento esportivo da F1 para treinos livres. Nas corridas e na sessão de classificação, o limite é um pouco maior: 100 km/h.

Por excesso de velocidade no pit-lane, Massa terá de pagar multa de € 1.400 (Foto: Getty Images)

A regra diz que, com exceção da corrida, qualquer piloto que exceder o limite será multado em € 200 (R$ 515,16) por cada km/h excedido. Gutiérrez passou pelo pit-lane a 64 km/h e terá de pagar € 800 (R$ 2.060) aos cofres da F1. Massa, por sua vez, ficou € 1.400 mais pobre (ou R$ 3.606), valor da sua multa pela infração cometida.

Bottas, substituto de Bruno Senna como titular da Williams em 2013, recebeu a multa mais pesada desta sexta-feira. O jovem finlandês terá de pagar € 2.800 (R$ 7.212) pelo erro no primeiro dia de treinos livres em Melbourne.
 

Curta a página do Grande Prêmio no Facebook
Siga o Grande Prêmio no Twitter

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube