Massa espera que Williams consiga tirar pontos da Mercedes por confiabilidade superior: “É sempre importante”

Líder no primeiro dia da última bateria de testes da pré-temporada, Felipe Massa afirmou que espera que a Williams consiga bater a Mercedes em 2015 por ter uma confiabilidade melhor

A F1 chegou à última bateria de testes da pré-temporada 2015 sem nenhum indício de que a Mercedes tenha perdido grande parte de sua vantagem, mas a evolução das equipes rivais já serviu para animar a concorrência.
 
Líder no primeiro dia da última bateria de testes coletivos, Felipe Massa acredita que é possível bater a Mercedes, especialmente contando com a boa confiabilidade do carro da Williams. 
Felipe Massa liderou o primeiro dia da última bateria de testes em Barcelona (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)
“É um novo carro. Ano passado, eles tiveram muitos problemas e tiveram na primeira corrida. Mas foi aceitável”, lembrou Massa. “Espero que possamos vencer pela confiabilidade. Sempre é um ponto importante”, seguiu. 
 
“Se o carro é competitivo, mas confiável, e você tem um carro mais competitivo, mas pouco confiável, você pode ganhar pontos por isso”, observou. “Espero”, comentou.
 
Na quinta-feira (26), Massa foi o autor da melhor volta em Montmeló. Com seu melhor giro em 1min23s500 o brasileiro fechou o dia com 0s776 de vantagem para Marcus Ericsson. 
 
Mesmo tendo mostrado um bom ritmo, Massa não fez uma simulação completa de corrida e admitiu que não sabe se fará no restante desta bateria em Montmeló.
 
“Fizemos alguns long-runs, mas hoje não tinha como. Não sei se vou fazer. Mas não é problema para a confiabilidade. Tem muitas coisas que precisamos fazer que são importantes”, justificou. “Hoje foi o único dia em que trabalhamos na performance. Tudo é importante. Confiabilidade, performance, entender o carro. Tudo é importante”, concluiu. 

#GALERIA(5229)
ESCONDENDO O JOGO?

A Williams foi só a quinta equipe em quilometragem total nos dois primeiros testes da pré-temporada da F1 em 2015, mesmo que seu carro não tenha apresentado nenhum grande problema durante as atividades. Engenheiro-chefe da equipe inglesa, Rod Nelson explicou o porquê de o programa de treinamentos ser mais ‘econômico’ que o da concorrência"Não acho que estamos escondendo o jogo", disse o inglês

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube