Massa lamenta pontos perdidos, erro em pit-stop e acidente com Pérez: “Poderíamos ter lutado pela vitória”

Felipe Massa escapou ileso de um forte acidente na última volta do GP do Canadá deste domingo (8), prova que chegou a liderar e na qual registrou a volta mais rápida

A cobertura completa do GP do Canadá no GRANDE PRÊMIO
As imagens deste domingo da F1 no Canadá

Dono da volta mais rápida do GP do Canadá, Felipe Massa tem uma certeza: poderia ter lutado pela vitória diante de todos os problemas enfrentados pelos carros da Mercedes. Mas a corrida do piloto da Williams terminou de uma forma bem diferente: no muro com um impacto de 27 G após choque com a Force India de Sergio Pérez na abertura da última volta.

Restou a Massa, que foi levado a um hospital de onde já recebeu alta, lamentar a chance de conquistar o melhor resultado desde a estreia pela Williams — ele estava lutando pela quarta posição quando abandonou em Montreal.

“Eu era um dos caras mais rápidos da pista, então perdemos muitos pontos hoje”, disse.

No fundo, o mais importante é que Massa e Pérez escaparam ilesos do acidente (Foto: Instagram)

“Estou feliz que estou aqui sem problemas, mas estou muito desapontado com o que aconteceu com Pérez, e também com o pit-stop, pois acho que talvez poderíamos ter lutado pela vitória hoje”, lastimou. No primeiro pit-stop, a pistola que deveria ser usada para trocar o pneu dianteiro esquerdo não funcionou e fez o piloto perder pelo menos 4s. “Mas isso mostra que temos um bom carro e estou convencido de que a próxima corrida será melhor”, encerrou.

Massa ocupa a 12ª colocação no Mundial de Pilotos com 18 pontos anotados em seis corridas disputadas.

No GP do Canadá, ele largou em quinto e se tornou o primeiro piloto que não fosse Lewis Hamilton ou Nico Rosberg a liderar uma volta na temporada 2014. Ele tentava fazer valer uma tática de uma parada, mas 55 voltas seria muito para um jogo de pneus macios. Daí a opção por fazer um segundo pit-stop e colocar novos pneus macios. Massa voltou dos boxes na sétima posição e passou por Valtteri Bottas e Nico Hülkenberg antes de alcançar o pelotão que tinha Rosberg, Daniel Ricciardo, Sebastian Vettel e Pérez.

icon_pesquisa  QUEM TEVE CULPA NO ACIDENTE: MASSA OU PÉREZ? VOTE
 Câmera aérea mostra movimento de Pérez antes de acidente 
 Após acidente, Massa e Pérez são levados a hospital para exames



Quer ter o prazer de guiar uma Ferrari e assistir ao GP da Itália em Monza?

Clique e saiba dos detalhes do pacote GRANDE PRÊMIO pelo e-mail

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube