Massa tem dia ideal na abertura dos treinos em Montreal e sai feliz com “impressão do carro” da Williams

É raro acontecer com qualquer piloto, mas Felipe Massa em nada reclamou das atividades em pista em Montreal. O brasileiro, sexto colocado nos treinos, falou que tudo que foi testado funcionou

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Felipe Massa teve nesta sexta-feira (9) um dia que pode ser classificado como perfeito. O brasileiro nada teve a reclamar dos treinos livres do GP do Canadá, sétima etapa do campeonato, depois de um resultado que pareceu colocar a Williams no patamar que dela ao menos se esperava desde o início da temporada.

Sexto melhor no agregado dos tempos em Montreal, Massa só viu coisas boas. "Acho que tivemos um dia muito bom. O carro estava bom tanto com os pneus novos quanto com os usados. Fiquei muito feliz com a impressão que tive do carro. Tudo que testamos no acerto pareceu melhorar cada vez mais.", comentou o piloto, que não foi muito além. "Agora precisamos manter tudo sob controle para amanhã e espero que eu esteja competitivo como hoje."

Felipe Massa foi muito bem, obrigado (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Depois de seis etapas disputadas em 2017, Massa é responsável por todos os 20 pontos conquistados pela Williams até agora. E mesmo estando na casa de Lance Stroll, é dele quem a equipe inglesa deve esperar algo no fim de semana. O novato da escuderia terminou em um miserável 17º lugar, posição que tem acostumado a ficar em classificações.  

Contente por guiar pela primeira vez diante do público — a primeira de um canadense desde Jacques Villeneuve —, Stroll usou a maior parte do tempo para agradecer: à pista, ao ritmo, às bandeiras canadenses nas arquibancas e aos fãs. Depois contou o que foi o dia. "Não tive uma chance de usar os ultramacios, então vamos ver como eles são amanhã. Estávamos focados em outras coisas, então isso era parte do plano", contou, sem revelar o plano.

Neste sábado, os pilotos voltam à pista às 11h (de Brasília) para o terceiro treino livre. A classificação está marcada para 14h, e o GRANDE PRÊMIO transmite tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

A NOVA F1 SE APROXIMA MAIS DA INDY. E ÁUDIO EM MÔNACO É PROVA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube