Mau tempo impede TL2 na China e dá chance a torcida brasileira, sósias, Darth Vader e ‘meninas de Vettee’

O combo chuva + neblina, que já havia comprometido a realização do treino livre da manhã, impediu a realização da segunda sessão desta sexta-feira em Xangai. Novamente, o helicóptero médico não teve condições para decolar rumo ao hospital local. Assim, o pouco da graça durante a tarde ficou restrito ao público nas arquibancadas. Até Darth Vader apareceu

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A sexta-feira (7) que representou a abertura dos trabalhos do fim de semana do GP da China foi um dia praticamente perdido. Depois de um primeiro treino livre quase todo comprometido pelo mau tempo e a densa neblina que impediu a decolagem do helicóptero médico rumo ao hospital de Xangai — condição para a realização dos trabalhos de pista no circuito chinês —, o quadro se manteve no treino da tarde. Pilotos, equipes e o público que acompanhou tanto nas arquibancadas ou na TV esperou até o limite estabelecido pela direção de prova, mas em vão: às 15h30 locais (4h30 na hora de Brasília), o treino se encerrou sem ter começado na prática.

O cronograma do segundo treino livre em Xangai começou da mesma forma que terminou a primeira sessão: interrompida em razão da densa neblina que impedia a decolagem do helicóptero médico rumo ao hospital de Xangai. Assim, não havia a menor chance de atividade de pista, embora a direção de prova tivesse determinado que o treino terminaria às 15h30, horário local (4h30 na hora de Brasília) independente do que acontecesse ou não.

Mesmo com a presença da chuva na região do autódromo de Xangai, não havia nenhum indicativo de que a neblina seria dissipada. E, diante de tal quadro, era impossível a execução do segundo treino livre. O que era bastante ruim para pilotos, equipes e o público presente às arquibancadas do circuito chinês.

Charlie Whiting, diretor de corridas da FIA, foi direto ao dizer que não haveria treino se não houvesse condições de segurança. "Neste momento, o helicóptero não pode pousar no hospital. Nos informam a cada dez minutos", explicou o dirigente.

De fato, o clima não ajudou para que houvesse ao menos um pouco de ação durante a tarde em Xangai. O trabalho dos pilotos ficou restrito apenas à sessão da manhã, bastante comprometida também por conta da neblina e da chuva. Nico Hülkenberg foi o piloto que mais completou voltas no primeiro treino, oito. Felipe Massa e Lance Stroll, por exemplo, completaram sete voltas. E nomes como Lewis Hamilton, Sebastian Vettel e Kimi Räikkönen tampouco registraram tempos de volta.

Já que não houve qualquer carro na pista, restou à geração da FOM buscar um atrativo durante a hora e meia. A torcida chinesa foi decisiva nisso.
 

Primeiro que, em frente aos boxes da Williams, havia facilmente mais de dez bandeiras brasileiras tremulando em favor de Felipe Massa. Havia até um coro na base do 'hip, hip' entoado para o piloto.

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Na arquibancada ao lado ficaram Sebastian Vettel, Fernando Alonso e The Stig, famoso personagem do programa 'Top Gear'. Eram, claro, sósias. A réplica chinesa do espanhol, no entanto, foi vestida de Renault, do tempo de seus dois títulos.

 
Mas a cena que mais chamou atenção foi a do grupo de torcedoras de Sebastian. Elas penduraram na proteção uma série de bandeiras alemãs com as letras do sobrenome do piloto. Formaram, em um primeiro momento, a palavra 'Vette'. A transmissão cortou para o tetracampeão, que acompanhava a tudo de dentro do carro da Ferrari. As meninas acharam a bandeira que faltava. No entanto, não fizeram corretamente. Surgiu o 'Vettee'.

 
Aí Seb resolveu entrar na brincadeira. Fez um 'L' com a mão. As meninas entenderam e sorriram diante do acerto.

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

No fim, até Darth Vader apareceu. E para coroar o ar mais 'americanizado' de entretenimento, a FOM assim o identificou na transmissão. E Lewis Hamilton literalmente foi pra galera, mostrando ao mundo os novos tempos da F1: live nas redes sociais, interação com o público e bonés distribuídos aos pacientes fãs nas arquibancadas.

A última vez que a F1 não conseguiu realizar uma sessão conforme programado foi no fim de semana do GP dos Estados Unidos de 2015, quando despencou um temporal em Austin, impedindo a realização do segundo treino livre e adiando a classificação. A categoria definiu o grid de largada na manhã de domingo, horas antes da largada que definiu Lewis Hamilton como campeão mundial no Texas.

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Um dia bastante incomum diante do cenário não menos comum de Xangai. A expectativa, contudo, é que o sábado seja um dia mais positivo e de mais ação. A previsão do tempo indica que não haverá chance de chuva para o terceiro treino livre e a classificação do GP da China de F1.

O GP da China, o segundo do campeonato, acontece neste fim de semana, e o GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades em Xangai AO VIVO e em TEMPO REAL.

PADDOCK GP #72 TRAZ ÁTILA ABREU E DISCUTE ETAPAS DA STOCK CAR, F1, INDY E MOTOGP

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube