Verstappen descarta saída da Red Bull a curto prazo e nega pressão por ter carro melhor

Max Verstappen não se vê fora da Red Bull no futuro e discorda de pressão por ter melhor carro em 2021. Vínculo do holandês com time dos energéticos só vence ao fim de 2023

F1 divulgou imagens da câmera 360ºC do carro de George Russell em forte acidente que envolveu Valtteri Bottas em Ímola (Vídeo: F1/Divulgação)

Max Verstappen está na sexta temporada pela Red Bull, e apesar de nunca ter conquistado um título mundial, ainda não se vê fora da equipe. Com Lewis Hamilton já aos 36 anos e no período final da carreira, o sonho de muitos fãs de automobilismo é ver o holandês fardando o macacão da Mercedes. Porém, ele evita pensar no futuro e mantém o foco no time dos energéticos.

Em entrevista ao jornal inglês The Independent, Verstappen, que tem vínculo com a Red Bull até o fim de 2023, afirmou que não há motivos para deixar a equipe, onde conquistou todas as 11 vitórias da carreira na Fórmula 1.

“Eu tenho contrato com a Red Bull até 2023 e estou muito feliz por estar onde estou. Não há motivos para mudança. Eu nunca penso muito no futuro porque quero viver no momento. Quero vencer corridas e campeonatos com a Red Bull, e por isso assinei um contrato tão longo. Me sinto em casa aqui e isso é muito importante para mim”, disse o holandês.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Max Verstappen quer se manter na Red Bull (Foto: AFP)

Após ficar no terceiro lugar do campeonato em 2019 e 2020, Verstappen mira o título da Fórmula 1 em 2021 com a Red Bull. O holandês já faturou o GP da Emília-Romanha e está apenas 1 ponto atrás do líder Lewis Hamilton no campeonato.

“Eu acho que posso [ser campeão]. Só preciso ser rápido na pista e consigo. Lewis tem experiência, mas isso é tranquilo, estou pronto para isso. Ele é um cara legal e um piloto respeitoso, então vamos disputar e confiar no outro, o que é importante. Temos muito respeito pelo outro e vamos curtir a batalha”, seguiu.

“Mas existe mais pressão em mim? Não, acho que a pressão é menor por ter um carro mais rápido. É tudo mais fácil. É mais fácil colocar uma bola volta, é mais fácil quando está na frente. Não fico nervoso quando largo em primeiro porque é o que amo. Eu gosto de ser perseguido, muito mais do que perseguir”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube