Verstappen some na frente e vence corrida mexida por série de punições na Áustria

O animadíssimo GP da Áustria teve novamente Max Verstappen como grande protagonista no Red Bull Ring. O holandês venceu de forma dominante. Valtteri Bottas e Lando Norris fecharam o pódio

Verstappen aplica novo domínio e vence: os melhores momentos do GP da Áustria (GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Não teve para ninguém. De novo. Max Verstappen dominou como quis e venceu com enorme folga o GP da Áustria, nona etapa da temporada 2021 da Fórmula 1. Neste domingo (4), o holandês fez a festa do mar laranja nas arquibancadas lotadas do Red Bull Ring e faturou sua quinta vitória no campeonato, a terceira consecutiva.

A corrida deste domingo foi marcada por uma série de punições, seja por manobras em disputas por posição, como com Lando Norris e Sergio Pérez, duas vezes, seja por infrações ao cruzar a faixa branca na entrada do pit-lane, como com Yuki Tsunoda, também duas vezes.

WEB STORIES
+O resultado do GP da Áustria de Fórmula 1
+A classificação da Fórmula 1 depois do GP da Áustria

MAX VERSTAPPEN; GP DA ÁUSTRIA;
Max Verstappen brilhou no GP da Áustria (Foto: Clive Rose/Getty Images/Red Bull Content Pool)

Valtteri Bottas cruzou a linha de chegada em segundo depois de passar Lewis Hamilton, com problemas nos pneus. O heptacampeão foi o quarto, terminando atrás também de um impressionante Norris, que marcou seu segundo pódio na Áustria e segue sendo o único competidor a pontuar em todas as provas da temporada até aqui.

Carlos Sainz acabou sendo beneficiado com os 10s de punição a Pérez e terminou em quinto lugar com a Ferrari, uma grande corrida de recuperação. O mexicano, que fez seu GP 200 na F1 neste domingo, foi o sexto, seguido por Daniel Ricciardo, outro que teve uma grande jornada depois de um sábado extremamente complicado. Charles Leclerc foi o oitavo com a segunda Ferrari, terminando à frente da AlphaTauri de Pierre Gasly e da Alpine de Fernando Alonso, que travou incrível duelo de gerações com George Russell nas voltas finais. O britânico lutou muito, mas segue sem pontuar com a Williams.

Também no fim da corrida, dois ex-companheiros de equipe e campeões do mundo se envolveram em um incidente. Kimi Räikkönen tocou na Aston Martin de Sebastian Vettel, e os dois escaparam na brita. Por sorte, tudo bem com os pilotos.

A décima etapa da temporada 2021 da Fórmula 1 acontece daqui a duas semanas: o GP da Inglaterra, no ‘templo’ de Silverstone, vai receber a histórica primeira corrida de classificação da categoria no fim de semana entre 16 e 18 de julho.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Saiba como foi o GP da Áustria de Fórmula 1

Com 24ºC de temperatura ambiente e 34ºC no asfalto, a Fórmula 1 partiu para a nona etapa da temporada 2021. Max Verstappen abriu vantagem desde a largada e manteve a liderança. Lando Norris largou bem e se segurou em segundo, enquanto Sergio Pérez lutou com Lewis Hamilton para continuar em terceiro lugar.

A corrida teve a intervenção do safety-car logo na primeira volta. Esteban Ocon, que largou só em 17º, foi ensanduichado na saída da curva 3 e ficou entre um carro da Haas e a Alfa Romeo de Antonio Giovinazzi. O francês não conseguiu evitar o toque e teve a suspensão dianteira direita danificada.

SERGIO PÉREZ; GP DA ÁUSTRIA; RED BULL RING; BRITA;
Sergio Pérez levou a pior na disputa com Lando Norris (Foto: Red Bull Content Pool)

A corrida foi retomada com bandeira na volta 4. O único seguro na frente foi Verstappen. Pérez e Norris lutaram pela segunda colocação, enquanto Valtteri Bottas chegou até a passar Hamilton, mas foi superado logo depois.

Na sequência da volta, Pérez e Norris ficaram lado a lado na saída da curva 4. Sem espaço, o mexicano passou na brita e perdeu muito tempo, caindo de terceiro para décimo.

Câmera onboard do carro de Lando Norris na disputa com Sergio Pérez (Vídeo: F1)

Com oito voltas, a direção de prova anunciou a primeira punição: Giovinazzi levou 5s por ter ultrapassado quando o safety-car ainda estava na pista.

Verstappen seguiu abrindo vantagem e já tinha 5s de frente para Norris, enquanto Hamilton lutava contra o compatriota pelo segundo lugar. Bottas aparecia em quarto, mas estava distante da luta pelo pódio. O finlandês era seguido pela AlphaTauri de Pierre Gasly, enquanto Yuki Tsunoda foi para os boxes fazer seu pit-stop. Pérez era o décimo, enquanto George Russell aparecia em 12º.

MAX VERSTAPPEN; LANDO NORRIS; GP DA ÁUSTRIA;
Max Verstappen seguiu abrindo vantagem para Lando Norris (Foto: Red Bull Content Pool)

Pérez não fazia uma boa corrida, a sua 200 na carreira na F1. O mexicano novamente cometeu um erro na curva 4 e foi ultrapassado pela Ferrari de Charles Leclerc. A escuderia italiana voltava a mostrar um grande ritmo de corrida, como aconteceu no GP da Estíria da semana passada.

Quem também fazia grande corrida era Daniel Ricciardo. O australiano mostrava excelente ritmo depois de ter largado em 13º e já aparecia em quinto depois de deixar para trás os pilotos que largaram com pneus macios. Uma das ultrapassagens foi em cima de Sebastian Vettel antes de o alemão fazer seu pit-stop e trocar os pneus macios pelos duros.

Se o momento era bom para a McLaren com Ricciardo, por outro lado Norris teve de amargar um duplo revés. Ao mesmo tempo em que recebia a notícia de que foi punido em 5s por conta do incidente com Pérez, Lando também era ultrapassado por Hamilton e caía para terceiro. Lewis aproveitou para elogiar o compatriota: “Que piloto é Lando!”. Palavras de um heptacampeão do mundo.

Outro piloto punido, pouco depois, foi Tsunoda, que cruzou a faixa branca na entrada do pit-lane. Erro do novato da AlphaTauri, que desperdiçou uma chance de garantir bom resultado neste domingo.

Depois de ótima campanha com os pneus médios, Ricciardo fez sua parada e voltou com os compostos duros para o stint final. Na volta 31, foi a vez de Norris fazer sua parada e cumprir a punição de 5s. Bottas e Hamilton também realizaram os respectivos pit-stops.

GEORGE RUSSELL; LANCE STROLL;
Russell passou Stroll na luta pelo 12º lugar (Foto: Reprodução)

A troca de pneus de Verstappen foi na volta 33. O holandês voltou à pista com 12s7 de vantagem para Hamilton, enquanto Bottas era o terceiro, à frente de Norris. ‘Checo’ Pérez fez seu pit-stop também naquele momento. O mexicano voltou em décimo depois de uma ligeira perda de tempo na troca de pneus, mas recuperaria as posições após os pit-stops de Leclerc, Carlos Sainz e Kimi Räikkönen.

No início da segunda metade de prova, a diferença de Verstappen para Hamilton era de 14s. Tudo parecia apontar mesmo para mais uma vitória fácil do holandês na temporada, enquanto Hamilton teria de se contentar, de novo, com a segunda posição. Já no pelotão intermediário, Russell lutava para marcar seus primeiros pontos com a Williams e era o 12º depois de superar a Aston Martin de Lance Stroll com uma grande ultrapassagem.

Com a vitória praticamente encaminhada, chamava a atenção a disputa entre Ricciardo, Leclerc e Pérez. Na mesma curva 4 onde escapou na brita, ‘Checo’ ficou lado a lado com Leclerc, e o monegasco passou pela brita ao ficar sem espaço. Pouco depois, a direção de prova também decidiu punir o mexicano com 5s.

SERGIO PÉREZ; CHARLES LECLERC; PUNIÇÃO
Pérez foi punido após disputa com Leclerc (Foto: F1/Twitter)

Pérez e Leclerc, mesmo depois da punição, voltaram a se engalfinhar na corrida. Voltas depois, o incidente entre os dois foi na curva 6, e novamente o piloto da Ferrari passou pela brita depois de ficar sem espaço na luta pela sexta posição, que ficou com o mexicano. Novamente, ‘Checo’ foi punido em 5s, acumulando assim 10s no total.

Outro que tinha problemas era Hamilton, que enfrentava dificuldades com os pneus traseiros. De início, a Mercedes não permitiu que Bottas, que vinha logo atrás, deixasse o companheiro de equipe para trás. Depois, autorizou a ultrapassagem, já que Norris estava bem perto.

A inversão nas posições entre os pilotos da Mercedes aconteceu na volta 52. Hamilton tinha mesmo problemas, já que Norris estava bem mais rápido e brigava de forma valente pelo terceiro lugar. A manobra aconteceu na saída da curva 6. Em seguida, o heptacampeão foi aos boxes para fazer um pit-stop extra. Ao mesmo tempo, a direção de prova anunciava mais uma punição: 5s para Stroll por exceder a velocidade no pit-lane.

VALTTERI BOTTAS; LEWIS HAMILTON; GP DA ÁUSTRIA
Bottas passa Hamilton e assume a segunda posição na Áustria (Foto: F1/Twitter)

Hamilton voltou do pit-stop em quarto, bem atrás de Norris, mas não era ameaçado por Pérez, que vinha em quinto. Enquanto isso, outra punição: novamente, Tsunoda era punido em 5s por cruzar a linha branca na entrada do pit-lane.

Depois do susto com o carro pouco antes da largada, Russell entregou grande corrida na Áustria e travou um incrível duelo de gerações com Fernando Alonso. O prodígio britânico fez a ultrapassagem e subiu para décimo, entrando assim na zona de pontuação com a Williams.

Verstappen, lá na frente, seguia imparável. Com ampla vantagem na frente, o holandês foi chamado pela Red Bull para um segundo pit-stop. O motivo: a escuderia havia detectado um pequeno corte no pneu. Com compostos duros mais novos, o piloto tratou de marcar a volta mais rápida da corrida e garantir outra jornada dominante na casa da equipe taurina.

Alonso não se deu por vencido na batalha por Russell. Mesmo diante de uma grande pilotagem defensiva do britânico, o bicampeão conseguiu fazer a ultrapassagem e colocou a Alpine em décimo.

KIMI RÄIKKÖNEN; SEBASTIAN VETTEL;
Räikkönen acertou Vettel no fim do GP da Áustria (Foto: Reprodução)

Em primeiro, não teve para ninguém. Verstappen dominou de ponta a ponta, confirmou a volta mais rápida da corrida e garantiu outra grande vitória na F1. Quando o holandês já comemorava a vitória no Red Bull Ring, Räikkönen e Vettel, ex-companheiros de equipe, se tocaram e protagonizaram uma forte batida. Por sorte, ninguém se machucou.

F1 2021, GP da Áustria, Spielberg, Resultado Final:

1M VERSTAPPENRed Bull Honda71 voltas 
2V BOTTASMercedes+17.973 
3L NORRISMcLaren Mercedes+20.019 
4L HAMILTONMercedes+46.452 
5C SAINZFerrari+57.144 
6S PÉREZRed Bull Honda+57.915 
7D RICCIARDOMcLaren Mercedes+1:00.395 
8C LECLERCFerrari+1:01.195 
9P GASLYAlphaTauri Honda+1:01.844 
10F ALONSOAlpine+ 1 volta 
11G RUSSELLWilliams Mercedes+ 1 volta 
12Y TSUNODAAlphaTauri Honda+ 1 volta 
13L STROLLAston Martin Mercedes+ 1 volta 
14A GIOVINAZZIAlfa Romeo Ferrari+ 1 volta 
15N LATIFIWilliams Mercedes+ 1 volta 
16K RÄIKKÖNENAlfa Romeo Ferrari+ 1 volta 
17S VETTELAston Martin Mercedes+ 1 volta 
18M SCHUMACHERHaas Ferrari+ 2 volta 
19N MAZEPINHaas Ferrari+ 2 volta 
20E OCONAlpine NC
      
VMRM VERSTAPPENRed Bull Honda1:06.200 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar