McLaren vê Ricciardo feliz e garante que evolução é questão de tempo: “100% certo”

De acordo com Andreas Seidl, chefe da McLaren, não há qualquer dúvida de que Daniel Ricciardo vai mostrar na McLaren o mesmo que em outras equipes

Lewis Hamilton conquistou a vitória 97 na F1: assista aos melhores momentos do GP de Portugal de F1 (Foto: GRANDE PREMIO com Reuters)

Daniel Ricciardo precisou fazer corrida de recuperação no GP de Portugal para pontuar. A razão, claro, foi um treino de classificação péssimo, com eliminação no Q1. É parte do começo de temporada difícil para o australiano enquanto tenta se integrar de vez à McLaren. De acordo com a equipe inglesa, porém, não há dúvidas de que logo Ricciardo estará de volta aos melhores dias.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Andreas Seidl, chefe da McLaren, foi quem afirmou. Segundo o antigo diretor da Porsche, Ricciardo passa por processo natural, mas está contente com o desafio. E vai superar o começo ruim.

“Ele é quem está mais decepcionado, porque sabe qual sua qualidade. Está desapontado que não consegue tirar o desempenho ainda, mas, ao mesmo tempo, é um piloto experiente. Nós também somos experientes, do ponto de vista coletivo, para acalmá-lo enquanto trabalha em se integrar e adotar os processos da equipe”, comentou.

“Daniel se sente confortável e feliz na equipe, e também está muito feliz com a forma que lidamos juntos com este novo desafio. E, de novo, estou 100% certo de que é apenas questão de tempo até que Daniel retorne ao desempenho que todos conhecemos”, garantiu.

ANDREAS SEIDL; MCLAREN; F1;
Andreas Seidl é um dos pilares da fase de reconstrução da McLaren na F1 (Foto: McLaren)

Após a corrida, Ricciardo também fez um balanço sobre o fim de semana e o processo pelo qual passa na nova casa.

“Se tivesse sido pior que meu sábado, não ia querer falar com ninguém. Foi melhor, foi até divertido. Na largada, queria passar cinco carros na primeira volta: consegui passar três, então foi tudo bem. Foi divertido mesmo, tivemos algumas boas batalhas”, disse.

“Com os pneus duros, faltava ritmo. Não tinha tanto ritmo quanto os médios, infelizmente me faltou o ritmo de Fernando. Aliás, não acho que muita gente teve esse ritmo. O stint de Alonso com pneus duros foi impressionante no fim da corrida. Então, no fim das contas, seria bom entrar no top-8, mas marcar ponto já ficou legal”, seguiu.

“O começo tem sido mais complicado que o esperado, mas certamente em alguns momentos da corrida eu me sentia confiante. Tivemos momentos de boa velocidade, ritmo e gerenciamento do equipamento, mas também tivemos erros e mais anotações no caderninho. Acho que avançamos no que diz respeito a entender o carro. Muitos dos erros vêm das mesmas limitações”, falou.

“Não acho que isso significa ter que esperar por atualizações, mas que é algo que devemos trabalhar no setup para ajudar em áreas onde estou com dificuldades. Talvez algumas coisas que vamos tentar em Barcelona. Estou otimista que apenas com modificações do setup já dê para me ajudar enquanto esperamos por atualizações”, finalizou.

Até agora, Lando Norris tem 37 pontos e é o terceiro colocado do Mundial de Pilotos, enquanto Ricciardo marcou somente 16 tentos e ocupa a sétima posição. A Fórmula 1 segue já neste fim de semana com o GP da Espanha.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube