Melhor piloto da Williams no dia, Senna exalta treino sem problemas no circuito de Suzuka

Com o carro apenas na segunda sessão de treinos livres para o GP do Japão, o piloto brasileiro acabou na oitava colocação e superou os dois companheiros de equipe. Mesmo enfrentando dificuldades no início, Senna afirmou que treino foi positivo

Mais uma vez cedendo o carro para Valtteri Bottas durante a primeira sessão de treinos livres, Bruno Senna teve o FW34 apenas na segunda atividade desta sexta-feira (5) no Japão. E encerrou o dia como melhor piloto da Williams no geral, ocupando a oitava colocação, deixando Pastor Maldonado em 15º e o finlandês, estreante em Suzuka, apenas na 22ª posição.

Senna afirmou que o dia serviu para testar algumas novidades, mas reconheceu que demorou um pouco para deixar o carro da maneira que gosta de pilotar no início. “Foi um dia interessante e aprendemos um monte de coisas nos testes que estamos fazendo. Sem a sessão da manhã, foi difícil como deixar o acerto do carro no meu estilo de condução”, confirmou.

Senna avaliou como positiva sua participação no primeiro treino livre em Suzuka (Foto: Red Bull/Getty Images)

Apesar dos problemas, o piloto brasileiro, dono de 25 pontos no campeonato, exaltou o fato de completar a atividade sem acidentes, o que permitiu ter um bom desempenho na segunda sessão de treinos no circuito de Suzuka, casa da 15ª etapa da temporada da F1.

“Nós tivemos uma sessão limpa e completamos muitas voltas e, por isso, no geral, foi uma boa experiência”, afirmou Senna, que ficou pouco mais de 1s atrás de Mark Webber, o primeiro colocado. "Temos de trabalhar mais no acerto. Com o carro mais equilibrado e mais confiança, acredito que daria para baixar o tempo de hoje em meio segundo. Mas não é fácil chegar no segundo treino e já ir logo acelerando tudo num traçado difícil como este", finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube