F1

Mercedes acima de 1000 voltas, Vettel mais rápido e pelotão intermediário próximo: números dos testes da F1

Mercedes e Ferrari dividiram as duas principais honras da pré-temporada. Enquanto os prateados sobraram em quilometragem, acumulando 1184, os avermelhados tiveram a melhor volta de todas, 1min16s221 com Sebastian Vettel

Grande Prêmio, de Barcelona / VITOR FAZIO, de Barcelona
A segunda semana de testes da Fórmula 1, última da pré-temporada, terminou com um cenário um pouco mais claro a respeito da divisão de forças entre equipes. Ferrari e Mercedes se distanciaram um pouco da Red Bull e voltaram a se portar como principais candidatas ao título. Mas não é tudo uma questão de tempos: para além das voltas cada vez mais rápidas em Barcelona, a quilometragem total de cada equipe também ajuda a esclarecer um panorama.
 
Em voltas rápidas, ninguém superou Sebastian Vettel. A Ferrari, que já havia começado com a sensação de que tinha o carro mais rápido, deixou isso mais claro com o tempo de 1min16s221 no pneu C5, mais macio de todos. O tempo de 1min16s7 com C3, o do meio na escala de cinco compostos da Pirelli, também impressiona. Mas a sensação de que os italianos tinham enorme vantagem se diluiu quando Lewis Hamilton foi apenas 0s003 pior no mesmo C5. Charles Leclerc, com a outra Ferrari, também ficou perto, sendo 0s010 mais lento.
Sebastian Vettel fez o melhor tempo da pré-temporada (Foto: Pirelli)
No pelotão intermediário, o tempo mais rápido ainda é o da Renault. A marca francesa foi a mais rápida de todas na primeira semana com Nico Hülkenberg e agora, apesar de já ter caído para o quinto posto, dá pinta de ainda ter vantagem – mesmo que pequena – sobre rivais diretas como Toro Rosso e McLaren.
 
Chama atenção que a Red Bull tenha ficado para trás no quesito voltas rápidas. Mas tudo tem explicação: os últimos dois dias, justamente os de maior foco em voltas rápidas, foram afetados pelo acidente de Pierre Gasly no sétimo dia, que ainda rendeu uma quebra de câmbio no oitavo.

1 S VETTEL Ferrari 1:16.221   C5
2 L HAMILTON Mercedes 1:16.224 +0.003 C5
3 C LECLERC Ferrari 1:16.231 +0.010 C5
4 V BOTTAS Mercedes 1:16.561 +0.340 C5
5 N HÜLKENBERG Renault 1:16.843 +0.622 C5
6 A ALBON Toro Rosso Honda 1:16.882 +0.661 C5
7 D KVYAT Toro Rosso Honda 1:16.898 +0.677 C5
8 C SAINZ McLaren Renault 1:16.913 +0.692 C5
9 R GROSJEAN Haas Ferrari 1:17.076 +0.855 C5
10 L NORRIS McLaren Renault 1:17.084 +0.863 C5
11 P GASLY Red Bull Honda 1:17.091 +0.870 C5
12 D RICCIARDO Renault 1:17.114 +0.893 C5
13 K RÄIKKÖNEN Alfa Romeo Ferrari 1:17.239 +1.018 C5
14 L STROLL Racing Point Mercedes 1:17.556 +1.335 C5
15 K MAGNUSSEN Haas Ferrari 1:17.565 +1.344 C5
16 A GIOVINAZZI Alfa Romeo Ferrari 1:17.639 +1.418 C5
17 M VERSTAPPEN Red Bull Honda 1:17.709 +1.488 C3
18 S PÉREZ Racing Point Mercedes 1:17.791 +1.570 C5
19 G RUSSELL Williams Mercedes 1:18.130 +1.909 C5
20 R KUBICA Williams Mercedes 1:18.993 +2.772 C5
21 P FITTIPALDI Haas Ferrari 1:19.249 +3.028 C4

Em termos de quilometragem, o título não poderia ficar com outra equipe. A Mercedes sobrou e foi a única a quebrar a marca de 1000 voltas nas duas semanas, colocando Lewis Hamilton e Valtteri Bottas como pilotos que mais circularam por Barcelona. A Ferrari, que acompanhou de perto na primeira semana de testes, ficou para trás após dias de falhas mecânicas e acidente de Sebastian Vettel. A equipe que menos andou foi, naturalmente, a Williams, que perdeu dois dias de atividades por simplesmente não ter carro pronto em Barcelona.

1 L HAMILTON Mercedes 634
2 V BOTTAS Mercedes 550
3 S VETTEL Ferrari 534
4 N HÜLKENBERG Renault 507
5 K RÄIKKÖNEN Alfa Romeo Ferrari 496
6 A ALBON Toro Rosso Honda 489
7 C SAINZ McLaren Renault 473
8 C LECLERC Ferrari 463
9 D RICCIARDO Renault 452
10 D KVYAT Toro Rosso Honda 443
11 P GASLY Red Bull Honda 439
12 A GIOVINAZZI Alfa Romeo Ferrari 425
13 R GROSJEAN Haas Ferrari 407
14 K MAGNUSSEN Haas Ferrari 403
15 L NORRIS McLaren Renault 400
16 M VERSTAPPEN Red Bull Honda 393
17 L STROLL Racing Point Mercedes 336
18 G RUSSELL Williams Mercedes 299
19 S PÉREZ Racing Point Mercedes 289
20 R KUBICA Williams Mercedes 267
21 P FITTIPALDI Haas Ferrari 61
 
1 MERCEDES Mercedes 1184
2 FERRARI Ferrari 997
3 RENAULT Renault 959
4 TORO ROSSO Toro Rosso Honda 932
5 ALFA ROMEO Alfa Romeo Ferrari 921
6 McLAREN McLaren Renault 873
7 HAAS Haas Ferrari 871
8 RED BULL Red Bull Honda 839
9 RACING POINT Racing Point Mercedes 625
10 WILLIAMS Williams Mercedes 566
 
1 FERRARI Ferrari 2789
2 MERCEDES Mercedes 2375
3 RENAULT Renault 1872
4 HONDA Honda 1771

GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ a pré-temporada da F1 em Barcelona com os repórteres Evelyn Guimarães, Vitor Fazio,  Eric Calduch e o fotógrafo Xavi Bonilla. Acompanhe tudo aqui.