Mercedes aprova atualizações após sábado em Austin, mas vê W13 “muito complicado”

Toto Wolff afirmou que melhorias no W13 — na asa dianteira, traseira e assoalho — parecem funcionar após mais um bom dia no Circuito das Américas. No entanto, performance poderia ter sido ainda melhor — de acordo com o próprio chefe de equipe

A Mercedes trouxe suas últimas atualizações do ano para o GP dos Estados Unidos. Com mudanças na asa dianteira, traseira e assoalho do W13, a equipe alemã visa uma boa performance em Austin para evitar a primeira temporada sem vitórias desde 2011. E o treino classificatório deste sábado (22), no Circuito das Américas, inspirou ar de otimismo no time.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Relacionadas


Com as punições de Charles Leclerc e Sergio Pérez, por trocas nos componentes do motor, Lewis Hamilton e George Russell herdaram a 3ª e 4ª posições do grid de largada, respectivamente. Fruto das atualizações, segundo Toto Wolff. E na opinião do chefe de equipe da Mercedes, a performance poderia ter sido ainda melhor.

“3º e 4º, sim. Acho que a atualizações funcionam. Tivemos uma volta que poderia ter sido três décimos mais rápida, mas o carro estava muito complicado de pilotar. Para amanhã, podemos fazer parte de alguns jogos interessantes”, afirmou Wolff.

George Russell irá largar em 4º em Austin (Foto: AFP)

“Austin nunca foi bom para nós no passado. Aqui, agora, funciona. Estamos seis décimos atrás, poderia ter sido três”, completou.

Por fim, Wolff prestou tributo ao conterrâneo Dietrich Mateschitz — dono da Red Bull, que morreu neste sábado, aos 78 anos, vítima de uma doença terminal.

Hamilton, por sua vez, comanda a terceira fila (Foto: Mercedes)

“Para mim, Dietrich Mateschitz é um dos empreendedores mais incríveis do mundo. Ele criou um mercado, que não existia, com bebidas energéticas. Ele fez as melhores marcas do mundo. Devemos muito a ele neste esporte”, disse o chefe da Mercedes.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP dos Estados Unidos de Fórmula 1 AO VIVO e EM TEMPO REAL. No domingo, a largada está marcada para as 16h [de Brasília, GMT-3].

F1 2022 AO VIVO: SAINZ POLE, VERSTAPPEN 2º NO GP DOS ESTADOS UNIDOS | Briefing
Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.