F1

Mercedes descarta possibilidade de vencer todas as corridas da temporada: “Vamos manter a humildade”

Após seis vitórias nas seis primeiras corridas da temporada, Toto Wolff negou a possibilidade da Mercedes triunfar em todas as etapas do ano. Segundo ele, o feito não é realista, e o time deve manter a humildade para continuar vencendo. Lewis Hamilton é o líder do campeonato e Valtteri Bottas é o segundo, 17 pontos atrás

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
As seis vitórias em seis corridas na temporada 2019 não mudaram a mentalidade da Mercedes. Mesmo com o seu melhor começo de campeonato desde o início da era híbrida da Fórmula 1, em 2014, o time segue com os pés no chão.
 
Com quatro triunfos de Lewis Hamilton e dois de Valtteri Bottas, a Mercedes repetiu a sequência de seis vitórias nas seis primeiras corridas, registrada em 2014. Perguntado sobre a possibilidade de vencer as 21 etapas do calendário, Toto Wolff, chefe de equipe do time alemão, afirmou que o feito não é realista, e que o time deve continuar trabalhando com humildade para seguir somando pontos no campeonato.
 
"Não, isso não é realista. Vamos manter a humildade, com os dois pé no chão, e não estou só falando isso, é a nossa mentalidade", disse Wolff, em entrevista com jornalistas após o GP de Mônaco, no último domingo.
Lewis Hamilton (Foto: Mercedes)
Wolff também aproveitou para defender Valtteri Bottas, que com o terceiro lugar em Mônaco, viu Lewis Hamilton abrir 17 pontos de vantagem na classificação. Para o chefe, a ‘versão 2019’ do finlandês buscará a recuperação no GP do Canadá, que acontece em menos de duas semanas.
 
"O Valtteri deste ano sabe que vai se recuperar em Montreal melhor do que nunca", declarou.
 
Christian Horner, chefe da Red Bull, também afirmou que a possibilidade da Mercedes ganhar todas as corridas da temporada é pequena, mas afirmou que o título de 2019 já é dos alemães, que ficarão próximos de somar todos os pontos possíveis ao final do ano.
 
"Eu duvido. Nunca diga nunca, mas seria um grande feito. O que é certo é que esse campeonato da Mercedes. Eles vão ficar próximos de alcançar a pontuação máxima", disse Horner.
 

 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.