Mercedes e Aston Martin dividem atividades do safety-car da Fórmula 1 em 2021

Como parte do plano estratégico das duas marcas, Aston Martin fornecerá os carros de segurança e médico em 13 corridas da temporada 2021 da Fórmula 1

A Mercedes e a Aston Martin vão dividir entre si a presença dos carros médicos e de segurança a partir da temporada 2021 da Fórmula 1. Recentemente, a montadora alemã anunciou que ampliou a participação acionária na marca inglesa, além de uma parceria tecnológica.

Será a primeira vez desde 1996 que uma montadora diferente da Mercedes fornece o safety-car para a Fórmula 1. Desde a primeira intervenção em um GP, em 1973, diversas fábricas e modelos diferentes apareceram na categoria, até a montadora de Stuttgart firmar um contrato de exclusividade.

Segundo o site RaceFans.net, a Aston Martin será a responsável pelos carros em 12 das 23 corridas de 2021, escolhendo os mercados que deseja atuar e aparecer mais, enquanto a Mercedes fica com as opções restantes de praças.

F1; FÓRMULA 1; F1 2020; SAFETY-CAR; PANDEMIA; CORONAVÍRUS; GP DA INGLATERRA; SILVERSTONE;
Safety-car em ação (Foto: Pirelli)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Além de dividirem as tarefas dos carros da direção de prova, Mercedes e Aston Martin serão Construtoras no Mundial de 2021. O time alemão, liderado nas pistas por Lewis Hamilton, busca defender o título e buscar uma inédita oitava conquista em sequência.

A Aston Martin toma o lugar da Racing Point após Lawrence Stroll virar um dos acionistas. A grande novidade é que o tetracampeão mundial Sebastian Vettel representará a marca no ano que vem, deixando a Ferrari após seis temporadas.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube