Mercedes foca em reduzir diferença para Red Bull: “É um desafio que apreciamos”

Toto Wolff reconheceu que o time dos energéticos está à frente da escuderia de Brackley no quesito volta lançada e se disse ansioso pela retomada da temporada 2021 com o GP da Emília-Romanha deste fim de semana

Hamilton vence na estratégia e pega Verstappen: assista como foi o GP do Bahrein (Vídeo: GRANDE PRÊMIO com Reuters)

A Mercedes garante que está empenhada em reduzir a diferença em relação à Red Bull na temporada 2021 da Fórmula 1. Chefe do time de Lewis Hamilton e Valtteri Bottas, Toto Wolff considerou que a escuderia está motivada pelo desafio.

Mercedes e Red Bull travaram um bom duelo na abertura do campeonato, no Bahrein, que acabou vencido por Hamilton. Max Verstappen, porém, enfrentou diferentes problemas ao longo da corrida, o que interferiu no resultado.

TOTO WOLFF; MERCEDES; GP DO BAHREIN;
Toto Wolff se disse ansioso pelo fim de semana em Ímola (Foto: Mercedes)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Apesar do bom desfecho da prova em Sakhir, Wolff vê a Red Bull na frente, mas se diz satisfeito com o desafio de reduzir a diferença.

“A temporada 2021 da Fórmula 1 com certeza começou de uma maneira espetacular”, disse Wolff. “Foi uma primeira corrida encorajadora, saindo do Bahrein com dois pódios. Tomara que o duelo no deserto entre nós e a Red Bull seja um sinal do que vai acontecer neste ano”, seguiu.

“Podemos ter vencido o primeiro round, mas não temos ilusão de que será uma temporada fácil”, garantiu. “Ainda falta ritmo ao carro em volta lançada, e a Red Bull parece ter a vantagem agora. Estamos lutando bastante para reduzir o atraso. E este é um desafio que apreciamos”, frisou.

Ainda, Wolff se mostrou animado com o retorno à Ímola. O traçado italiano passou mais de dez anos longe da Fórmula 1, mas retornou ao calendário no ano passado em meio a todas as mudanças resultantes da pandemia de Covid-19.

“Estamos ansiosos para voltar à pista depois de uma pausa de três semanas e a segunda etapa, o GP da Emília-Romanha, está chegando”, falou Toto. “Ímola é uma praça histórica e icônica e é uma pista de que os pilotos realmente gostam, com sua natureza arrebatadora, alta velocidade e vários tipos de curvas”, comentou.

“É uma pista bem estreita, o que torna difícil as ultrapassagens, mas isso coloca mais foco na estratégia e torna a classificação ainda mais difícil”, pontuou. “Nós todos curtimos o retorno à Ímola em 2020, depois de uma ausência de 14 anos, e isso se tornou ainda mais especial pelo fato de que conquistamos nosso sétimo título do Mundial de Construtores naquele fim de semana. Estamos ansiosos para voltarmos lá mais uma vez este fiz de semana e ver como será a corrida de 2021”, completou.

LEIA TAMBÉM
Bruno Carneiro assina com Williams para disputa de campeonatos de eSports

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar