Mercedes lamenta não ter visto detritos na pista em tempo suficiente para avisar Bottas em Baku: “Foi tarde demais”

Andrew Shovlin, diretor de engenharia de pista da Mercedes, revelou que só viu os detritos na pista que causaram o furo no pneu e tiraram a vitória de Valtteri Bottas no GP do Azerbaijão entre 0s5 e 1s antes de o finlandês passar por cima, não havendo tempo suficiente para avisá-lo e desviar do caminho

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Apesar de ter vencido pela primeira vez na temporada 2018 da F1 com Lewis Hamilton, a Mercedes ainda lamenta a forma como Valtteri Bottas abandonou o GP do Azerbaijão após caminhar para uma vitória que parecia certa nas voltas finais. O finlandês era o líder da corrida após a última relargada, mas passou por cima de detritos dos carros de Pierre Gasly e Kevin Magnussen na reta dos boxes e teve o pneu furado, deixando a disputa do último domingo (29) em Baku.

 
 
E Andrew Shovlin, diretor de engenharia de pista da equipe, lamentou não ter tido tempo suficiente de avisar Valtteri sobre os detritos que furaram seu pneu traseiro direito, tirando a chance clara de vitória.
Valtteri Bottas desolado após perder uma vitória certa em Baku (Foto: Reprodução/Twitter)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“A primeira vez que nós vimos foi justamente quando ele passou pelas ondulações. Você podia vê-lo indo à direção [dos detritos], mas foi entre 0s5 e 1s, não tivemos tempo suficiente para avisá-lo via rádio e dizer que havia detritos na pista”, explicou o engenheiro britânico em entrevista veiculada pelo site da revista britânica ‘Autosport’. 

 
“Se tivéssemos visto, teríamos avisado, como estávamos fazendo nas outras voltas com os outros acidentes”, salientou Shovlin, citando o fato de que a corrida foi bastante acidentada, cheia de toques entre os carros e, consequentemente, de detritos na pista. 
 
“Estávamos tentando guiá-lo sobre fazer o melhor traçado possível para evitá-lo. Infelizmente, nesta ocasião, foi tarde demais”, lamentou o diretor da Mercedes.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube