Mercedes diz que “não faz sentido” esconder informações de Bottas, de saída em 2022

De saída da Mercedes ao fim desta temporada, Valtteri Bottas vai defender a Alfa Romeo no ano que vem. Mas o finlandês não será excluído de nada dentro da equipe, garante Andrew Shovlin

Sergio Pérez e Lewis Hamilton travaram grande duelo no GP da Turquia (Vídeo: F1)

Quando um piloto anuncia a mudança de equipe de uma temporada para outra, é normal que tal escuderia promova, gradativamente, a exclusão do competidor de determinados trabalhos, sobretudo quando se trata do desenvolvimento do carro para a temporada seguinte. Tudo para evitar que informações privilegiadas possam parar em times rivais. Mas não é o que acontece na Mercedes com Valtteri Bottas, que está de partida para a Alfa Romeo em 2022. Quem garante é o diretor de engenharia de pista da equipe heptacampeã do mundo, Andrew Shovlin.

Bottas tem sido parte da Mercedes como piloto desde 2017, ano em que foi contratado para substituir o campeão mundial do ano anterior, Nico Rosberg. O finlandês de 32 anos conquistou, neste período, dez vitórias, 18 poles, 17 voltas mais rápidas e nada menos que 56 pódios, que se somam aos outros nove que alcançou quando foi piloto da Williams.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Valtteri Bottas está perto de deixar a Mercedes rumo à Alfa Romeo (Foto: Mercedes)

No mês passado, Bottas selou sua ida para a Alfa Romeo em um contrato plurianual com início a partir de 2022. Mesmo que a escuderia de Hinwil seja uma parceira histórica da Ferrari, a Mercedes deixou claro que não vai excluir o nórdico de nada do que acontece dentro do time sediado em Brackley.

“Valtteri é um membro da equipe tanto quanto qualquer um de nós, e o envolvemos completamente em tudo”, declarou Andrew Shovlin, diretor de engenharia de pista da Mercedes, em entrevista veiculada pelo site holandês RacingNews365.

“Os dois campeonatos significam muito para nós, e Valtteri vai ter um papel muito importante tanto no de Pilotos quanto no de Construtores, de modo que não faz sentido começar a excluí-lo de qualquer informação”, ressaltou o engenheiro.

Shovlin mostrou respeito à trajetória de Bottas dentro da Mercedes e ressaltou que o piloto, por estar há cinco temporadas com a equipe, tem conhecimento pleno do modus operandi. Desta forma, uma exclusão do piloto de qualquer informação, mesmo que diga respeito sobre o projeto de 2022, não tem cabimento.

“Valtteri está conosco há muito tempo. Ele sabe como a equipe trabalha. Sabe como abordamos a engenharia do carro. Não faz sentido para nós se não for para incluí-lo totalmente”, concluiu.

AINDA É POSSÍVEL TER ÍDOLOS BRASILEIROS NO ESPORTE A MOTOR? | GIRO BR #30

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar