Mercedes prevê fim de semana difícil e aponta Red Bull “forte novamente” no Azerbaijão

Toto Wolff, chefe da Mercedes, lembrou das dificuldades em Mônaco e prevê um desafio para a equipe alemã nas ruas de Baku. Já a Red Bull, segundo ele, pode levar a melhor

A Mercedes não teve vida fácil no GP de Mônaco, com Lewis Hamilton chegando em um modesto sétimo lugar e o companheiro de equipe Valtteri Bottas abandonando após um problema no pit-stop. Toto Wolff, chefe de equipe, não acredita em recuperação fácil na próxima etapa do campeonato.

O mandatário crê que o circuito de rua de Baku, que recebe GP do Azerbaijão, neste fim de semana, não combina com o carro da equipe alemã e que a Red Bull, atual líder do campeonato, estará mais forte na pista mais uma vez.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Na última segunda-feira (31), vi a mesma energia de quando voltamos dos testes no Bahrein e isso me agrada. Dissecamos o fim de semana, fizemos perguntas difíceis a nós mesmos e aprendemos algumas lições cruciais. Gostaria de poder ter voltado às pistas no fim de semana passado”, disse Wolff, em comunicado antes da corrida deste fim de semana.

“Baku está por vir. Embora seja um circuito de rua muito diferente de Mônaco, esperamos que seja outro complicado para nós, que não se adequa às características do W12. A Red Bull será forte novamente. Já a Ferrari e a McLaren podem fazer grandes progressos também”, acrescentou.

Valtteri Bottas teve um domingo decepcionante em Monte Carlo. Abandonou a corrida após a Mercedes não conseguir retirar a porca de sua roda dianteira direita (Foto: Mercedes)

Ainda assim, Wolff afirmou que o foco será fazer com que a equipe continue a somar pontos para o campeonato em pistas que não ‘combinam’ com o estilo da Mercedes.

“Um dos principais focos para nós é explorar as oportunidades disponíveis nas pistas atípicas que não são adequadas ao nosso carro. Precisamos somar todos os pontos”, explicou o austríaco. “Haverá oscilações nessa luta que é emocionante para o esporte e emocionante para nós. Esperamos mais um desafio e após o resultado da última corrida, estamos mais determinados e animados do que nunca para nos recuperarmos em Baku”, concluiu.

O GP do Azerbaijão retorna ao calendário depois de ausência em 2020. A Mercedes venceu as edições mais recentes da corrida, com Lewis Hamilton, em 2018, e Valtteri Bottas, em 2019. A ação começa na sexta-feira (4) com os primeiros treinos livres. A corrida será realizada no domingo (6).

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar