Mercedes se desculpa com Rosberg e credita vantagem de Hamilton à pressão dos pneus dianteiros

Diretor-técnico da Mercedes, Paddy Lowe pediu desculpas por erro na configuração do carro de Nico Rosberg na sexta-feira e creditou a diferença entre o alemão e Lewis Hamilton no treino classificatório a um problema com a pressão dos pneus dianteiros

Diretor-técnico da Mercedes, Paddy Lowe afirmou que a equipe deve um pedido de desculpas a Nico Rosberg por conta de uma falha na configuração do carro na sexta-feira. No treino deste sábado (25), Lewis Hamilton garantiu a pole-position com 1min22s020, com o companheiro de equipe virando 0s575 mais lento.
 
Ao longo do treino desta tarde em Hungaroring, Rosberg manifestou sua insatisfação com o desempenho do carro via rádio e, mais tarde, durante a coletiva de imprensa da FIA (Federação Internacional de Auotmobilismo), afirmou que não tinha uma explicação para o que aconteceu.
Paddy Lowe diz que pressão dos pneus atrapalhou performance de Rosberg na classificação (Foto: Getty Images)
“Eu não tenho uma explicação. A classificação e todo o resto aconteceu mais ou menos de acordo com o previsto, mas simplesmente não encontrei o ritmo. Foi um fim de semana de altos e baixos por alguma razão inexplicável, então nós precisamos olhar para isso. Definitivamente, não estou feliz com a forma como as coisas aconteceram hoje”, disse Nico.
 
 Lowe, por outro lado, encontrou uma explicação para o déficit de performance do germânico em relação ao companheiro de equipe.
 
“Nós precisamos pedir desculpas ao Nico pela sexta-feira. Ontem, houve um erro na configuração do carro que nós só descobrimos de noite”, explicou Lowe. “Então, de fato, ontem ele teve um pouco de dificuldade e nós podemos explicar isso”, seguiu.
 
“Hoje ele foi muito melhor no TL3, com uma performance muito similar à de Lewis”, avaliou. “Às vezes, na classificação, vemos quando eles rodam com pneus usados nas primeiras saídas do Q3 que eles estão bem próximos. Mas Nico estava tendo problemas com a pressão do pneu dianteiro durante a classificação. Isso, provavelmente explica de alguma forma o ritmo inconstante dele em comparação com Lewis. Em sua última volta, ele teve de travar no último setor, o que provavelmente explica muito da diferença”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube