Mercedes se desculpa por fala de Bottas sobre Covid-19: “Não quis desrespeitar a China”

A Mercedes emitiu um pedido de desculpas após Valtteri Bottas dizer que apagaria da história o dia que alguém comprou um morcego em Wuhan

A Mercedes pediu desculpa após Valtteri Bottas fazer piada com a pandemia do novo coronavírus após do GP da Turquia do último fim de semana. A equipe de Brackley afirmou que o finlandês “não quis ofender”.

Na semana passada, após ver Lewis Hamilton conquistar o sétimo título na Fórmula 1 e exibir uma atuação abaixo da média, Bottas foi questionado pelo canal holandês Ziggo Sport se queria apagar a data do calendário e respondeu: “Sim ou o dia em que alguém comprou um morcego em Wuhan”.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Pela plataforma Weibo, um serviço de microblogging chinês similar ao Twitter, a Mercedes pediu desculpa pela declaração de Bottas e assegurou que o piloto que não quis ofender.

“Caros fãs de carros chineses”, começou. “No último domingo, Valtteri teve uma corrida dura e decepcionante, na qual ele perdeu o título mundial. Ele não quis ofender ninguém diante das câmeras de TV imediatamente após a corrida e, com certeza, não quis desrespeitar a China e os fãs chineses”, seguiu.

“Ele ainda é o Valtteri que todos nós conhecemos, se importa com todos os fãs na China assim como todos nós, deseja todo o melhor a cada um de vocês e que fiquem seguros neste momento difícil”, completou.

Na quarta-feira, Nikita Mazepin usou as redes sociais para fazer graça com a pandemia. O russo de 21 anos da Fórmula 2 escreveu no Instagram: “Um ano desde que um cara em Wuhan comeu um morcego. Parabéns, Covid”.

De acordo com dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), 55.326.907 casos de Covid-19 já foram confirmados no mundo, com 1.333.742 mortes. O continente americano é o mais afetado, com 23.568.357 casos confirmados. Só no Brasil, 5.876.464 pessoas já foram diagnosticadas com a doença.

Ainda não existe um remédio eficaz contra o vírus Sars-CoV-2, causador da Covid-19, e nem tampouco uma vacina. Assim, os cientistas recomendam o distanciamento social, o uso de máscaras e a lavagem frequente das mãos com água e sabão ou uso do álcool em gel para conter a disseminação do vírus.

Mercedes se desculpou no Weibo (Foto: Reprodução)
https://open.spotify.com/episode/56EWZtjjXZerTSc5mEGdpr?si=dXJwGloaQQ6ZEGdY1gUInQ&nd=1

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar