Mesmo com 10 pontos a menos, Giovinazzi diz que “evoluiu muito” de 2019 para 2020

Mesmo anotando menos pontos que em 2019, Antonio Giovinazzi crê que melhorou seu desempenho com a Alfa Romeo em 2020 - e, por isso, merece o contrato para a próxima temporada

De certa forma surpreendente, a manutenção de Antonio Giovinazzi na Alfa Romeo para 2021 foi anunciada cedo, ainda em outubro deste 2020. Mas as justificativas nunca foram exatamente convincentes, já que o italiano pouco entregou em termos de resultados, e também não é mais tão jovem: completou 27 anos neste mês de dezembro.

Assim, o próprio teve de sair em sua defesa: para Giovinazzi, o que ele mostrou em 2020 dá motivos, sim, para que a vaga na Fórmula 1 continue em suas mãos.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Italiano vai para sua terceira temporada na F1 (Foto: AFP)

“Eu diria que evoluí muito e me senti cada vez mais confortável com o carro, com a equipe, com tudo”, disse ele sobre a temporada.

“É algo que todo piloto jovem diz durante a carreira: você fica mais nervoso durante a primeira temporada. Tudo é novo, e agora estou mais confortável com tudo”, seguiu.

“Claro que há muito ainda no que evoluir e é o que quero alcançar na próxima temporada. Quero dar mais um passo à frente e evoluir”, completou o italiano.

Em 2020, Giovinazzi anotou apenas quatro pontos, com um nono lugar na Austrália e dois décimos, contra 14 no ano anterior. As campanhas seriam idênticas, não fosse o quinto lugar no GP do Brasil de 2019, quando garantiu os 10 pontos a mais de uma campanha para a outra.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube