F1

Mesmo com melhor grid pela Red Bull, Gasly se diz insatisfeito e reclama por “brigar com o carro” na China

Pierre Gasly ainda está insatisfeito com o comportamento do RB15 e expressou seu descontentamento na tarde deste sábado (13) em Xangai. Mesmo indo pela primeira vez ao Q3 com a Red Bull e obtendo seu melhor grid na Fórmula 1 em 2019

Grande Prêmio / FERNANDO SILVA, de Sumaré
Pela primeira vez na temporada, Pierre Gasly foi ao Q3 com a Red Bull. Na tarde deste sábado (13), o francês obteve uma colocação normal considerando o carro que tem e vai largar em sexto lugar no GP da China de Fórmula 1, dividindo a terceira fila do grid lado a lado com seu companheiro de equipe, Max Verstappen. Mas nem a melhora em relação às etapas da Austrália, onde foi eliminado no Q1, e no Bahrein, onde caiu no Q2, fez Gasly ficar contente. Motivo? A dificuldade para pilotar o RB15.
 
Depois de finalmente ter passado para o Q3 em 2019, Gasly marcou 1min32s930 como melhor volta. Só que, na comparação com o tempo registrado por Verstappen — 1min32s089 —, a diferença foi de mais de 0s8, o que reflete toda a insatisfação do jovem francês.
Pierre Gasly vai largar em sexto lugar neste domingo na China (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
“Acho que foi o melhor que eu poderia esperar ainda em um fim de semana complicado. Estamos felizes com a posição, mas não estou satisfeito com minha pilotagem. Ainda estou brigando com o carro, com a tração para despejar potência e sinto que estou lutando com o carro”, explicou o dono do carro #10 em entrevista coletiva pouco depois da classificação.
 
“Acho que preciso mudar um pouco meu estilo de pilotagem, e com a equipe podemos melhorar um pouco mais para mim. Eu sou mais agressivo na aceleração, e você não pode fazer isso com este carro. A primeira pessoa que você olha é seu companheiro de equipe”, salientou Pierre, colocando Verstappen como principal parâmetro.
 
“Vou tentar tirar o máximo de proveito disso. Trabalhando em conjunto com a equipe, vamos tentar melhorar”, complementou o piloto de 23 anos, confiante em poder ter uma condição mais competitiva durante a corrida neste domingo. “Eu me senti melhor nos long-runs do que nas voltas lançadas”, complementou.
 
Gasly tem o prestígio do chefe de equipe da Red Bull, Christian Horner, que o elogiou pelo trabalho feito neste sábado. “Com uma classificação sólida de Pierre, ele chegou ao Q3 com apenas uma volta no Q2 e ele não teve chance na última volta, mas há muito para extrair dele”, comentou o dirigente britânico.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da China AO VIVO e EM TEMPO REAL. A largada está prevista para 3h10 (horário de Brasília) deste domingo. Os horários completos estão abaixo.
 

Confira a programação do fim de semana do GP da China de F1
Horários de Brasília, GMT -3

SESSÃO DIA DATA HORA
TL1 Quinta 11/4 23h
TL2 Sexta 12/4 3h
TL3 Sábado 13/4 0h
TC Sábado 13/4 3h
GP Domingo 14/4 3h10

Fórmula 1 2019 AO VIVO 🇨🇳 
Acompanhe todos os treinos livres, classificação e o GP da China aqui


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.