Mesmo confiando em bom resultado, Webber diz que domínio da Red Bull não de se repetir na corrida

Mark Webber afirmou que o GP da Índia deve ser bem disputado entre as grandes equipes. Apesar disso, o australiano afirmou que confia no potencial do carro rubro-taurino para terminar com um bom resultado

Embora a Red Bull tenha dominado o treino classificatório do GP da Índia, neste sábado (27), em Buddh, Mark Webber afirmou que espera uma corrida muito mais emocionante. Apesar disso, o piloto australiano, que larga na segunda colocação, disse confiar no bom ritmo do carro rubro-taurino para conquistar novamente um bom resultado.

“Eu acho que nós estamos indo muito bem nos sábados e, conforme mostramos nas últimas etapas, também nos domingos. Mas amanhã pode ser uma boa corrida. Eu acho que vai ser bastante emocionante entre todos nós, mas acho que já mostramos um bom ritmo”, declarou.

Mark Webber lamentou ter cometido um erro na tomada de tempo (Foto: Red Bull/Getty Images)

Mesmo com tanto elogios ao carro da Red Bull, o piloto reconheceu que o treino classificatório foi complicado. Webber disse que cometeu um erro no fim da atividade, que o impediu de completar a última volta rápida e por isso foi obrigado a ficar torcendo para que os outros pilotos não o ultrapassassem.

“Não foi a sessão mais tranquila para mim. A volta rápida não foi ruim, mas eu cometi um pequeno erro na última curva, então, com certeza, não tive uma volta limpa. Isso é frustrante, mas sou um piloto e fiz o meu melhor. Foi por pouco. Obviamente foi bastante equilibrado entre mim e Seb, sendo que eu não pude completar minha última tentativa”, contou.

O australiano, por fim, disse ter sido atrapalhado pela McLaren na parte final do treino. Depois do erro cometido, o piloto da Red Bull ficou preso atrás dos carros prateados, que fazem voltas muito lentas após saírem dos boxes em preparação para a tomada de tempo. Como esse é o oposto da estratégia da equipe austríaca, Webber acabou perdendo muito tempo e não conseguiu aquecer os pneus para fazer uma última tentativa.

“As McLaren estão fazendo voltas muito lentas na saída dos boxes para deixar os pneus pontos, o que é diferente da gente. Eu não tive aderência no primeiro setor por causa , então eu não tive uma segunda tentativa, o que teria sido bom. Mas, de qualquer forma, eu fiquei surpreso por ter ficado em segundo, então fico satisfeito”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube