Mesmo sem vaga na Mercedes para 2013, Schumacher garante que motivação permanece intacta

Michael Schumacher garantiu que permanece altamente motivado para o GP do Japão, neste final de semana, mesmo sem saber o que vai fazer na próxima temporada. O alemão perdeu para Lewis Hamilton a vaga na Mercedes

Depois de perder a vaga para Lewis Hamilton na Mercedes, Michael Schumacher insistiu em dizer que permanece altamente motivado para o GP do Japão, que acontece neste final de semana, mesmo sem saber o que fará na próxima temporada. Schumacher, de 43 anos, não revelou seus planos para 2013, mas seu nome é bastante especulado na Sauber, onde pode ocupar o lugar deixado por Sergio Pérez, que foi contratado pela McLaren para substituir Hamilton

Schumacher prevê um fim de semana difícil em Suzuka (Foto: Facebook/Circuito de Magny-Cours)

"Minha motivação está completamente intacta depois das notícias da semana passada. Além disso, Suzuka é um dos circuitos que mais me agrada em toda a temporada", disse o heptacampeão, que não venceu na F1 depois do seu retorno à categoria em 2010. 

O alemão, entretanto, acha que terá um fim de semana difícil pela frente, especialmente por causa da punição que tomou pelo acidente com Jean-Éric Vergne em Cingapura. Os comissários da prova consideraram Schumacher culpado e o puniram com a perda de dez posições no grid de largada.

"Eu gosto muito desse circuito. Tem pontos desafiadores como todo piloto gosta e que não se vê mais em todas as pistas. Logicamente, também seria bom conseguir um resultado expressivo, embora as minhas chances, naturalmente, estão limitadas por conta da punição no grid. Mas sempre vejo isso como um novo desafio", concluiu.

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube