Ministro confirma assinatura de contrato e permanência do GP da Bélgica por mais três anos na F1

O GP da Bélgica chegou a ser ameaçado de não continuar na F1 e até tentou um acordo com a França para dividir uma data no calendário pelos próximos anos, mas sem sucesso. Então, o ministro Jean-Claude Marcourt entrou em ação e conseguiu manter a etapa até 2015

Nesta sexta-feira (24), Jean-Claude Marcourt, ministro da Economia e de Relações Internacionais do governo da Valônia, região sul da Bélgica, confirmou que Spa-Francorchamps vai continuar no calendário da F1 por mais três temporadas, ou seja, até 2015, e acabou de vez com qualquer especulação sobre dividir uma data no calendário com a França, algo que foi cogitado nos últimos meses.

O futuro da etapa estava em perigo desde o final do último ano, quando os administradores avisaram que não havia dinheiro suficiente para receber a F1 nos próximos anos. Por sugestão de Bernie Ecclestone, a França dividiria a data no calendário, deixando a Bélgica com os anos pares.

Mas a mudança de governo em Paris após a eleição de François Hollande mudou o panorama da negociação, que estava praticamente fechada em março deste ano. Sem saber com clareza a situação dos franceses, sobre dividir uma data no calendário ou não, Marcourt agiu rapidamente junto aos dirigentes da F1 e com o governo belga, conseguiu uma redução na taxa paga anualmente para receber a prova e firmou a renovação por mais três anos.

Bélgica continua no calendário da F1 até 2015 (Foto: Red Bull/Getty Images)

"Conseguimos negociar uma extensão do contrato para os anos de 2013, 2014 e 2015 para o GP da Bélgica de F1”, afirmou o ministro ao jornal belga L'Avenir.

"Eu queria reduzir a quantidade de despesas no orçamento da região da Valônia e, quando comparamos as obrigações assumidas no contrato anterior e este novo, eu diria que completamos nossa missão”, contou. Naturalmente, ainda há uma grande quantidade de dinheiro envolvida, mas ela é menor.  

Ele acredita que pode aumentar o turismo na região com a manutenção da prova até 2015. “O que estamos fazendo [com a renovação] é reforçar a atratividade da Bélgica”, finalizou.

O Grande Prêmio vai fazer a cobertura do GP da Bélgica 'in loco' nesta temporada a partir de 30 de agosto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube