Na corrida pelo posto de ‘melhor do resto’, Massa já projeta nova batalha entre Williams e Ferrari na Malásia

Felipe Massa falou sobre o que espera do GP da Malásia neste fim de semana e já entende que Sepang verá uma nova batalha entre Williams e Ferrari. O brasileiro novamente exaltou a melhora feita pela rival com relação ao motor e citou onde a equipe inglesa está perdendo: velocidade de reta

Felipe Massa entende que o GP da Malásia será palco de um novo capítulo da batalha entre Williams e Ferrari pelo posto de 'melhor do resto'. O brasileiro acredita, entretanto, que a equipe inglesa deve ficar um pouco à frente da rival italiana desta vez. Mas afirmou que ainda é impossível dizer o quanto.

A esquadra vermelha surpreendeu na Austrália, na primeira etapa da temporada 2015 da F1, ao apresentar um ritmo sólido de corrida, especialmente com Sebastian Vettel, que foi capaz de superar Massa e ficar com o pódio do terceiro lugar em Melbourne. Por isso, as duas equipes já aparecem logo depois da Mercedes na lista que estabelece a hierarquia de forças no Mundial neste ano.

Agora, em uma pista com características tão distintas do Albert Park, Felipe acredita que a Williams deve realmente levar vantagem. "Acho que talvez tenhamos terminado os testes de Barcelona em melhor forma que a Ferrari, mas na primeira corrida eles conseguiram uma margem extra com relação a nós", explicou o brasileiro.

Felipe Massa já prevê novo embate com a Ferrari em Sepang (Foto: Getty Images)

"Eu espero que aqui as condições sejam melhores. Com certeza, se melhorarmos dois décimos de circuito em circuito, já podemos mudar toda a situação, especialmente quando há uma luta tão próxima com outra equipe."

"Por isso, espero que essa pista seja melhor para nós. Estamos realmente trabalhando muito com o carro e tentando fechar alguns detalhes que ficaram da primeira corrida. Aqui, é um lugar em que a temperatura afeta demais o desempenho, por isso temos de garantir que não vamos perder downforce por causa da temperatura. Precisamos esperar agora e ver como será o primeiro treino", completou.

Ainda falando sobre a Ferrari, Massa afirmou que a adversária conseguiu uma melhora significativa em termos de velocidade de reta e que isso já representa um divisor de águas na comparação com o ano passado. "Não temos mais a mesma vantagem em reta", admitiu Felipe.

"A única coisa que a Ferrari mostrou mesmo foi uma grande melhora em termos de motor. Eles têm agora um sistema muito melhor. No ano passado, o nosso carro perdia em curvas, nós tínhamos menos pressão aerodinâmica que a Ferrari, mas ganhávamos nas retas. Com toda a certeza, o nosso carro neste ano é melhor no que diz respeito ao downforce, é melhor em curva que no ano passado", contou o piloto.

"Mas agora não temos mais a diferença em reta e nós sabemos que a parte aerodinâmica é um ponto forte, que precisamos trabalhar um pouco mais. Além disso, estamos lutando contra uma equipe grande e que tem um poder financeiro enorme para desenvolver o carro. Sabemos que a briga será apertada, mas realmente ansioso por isso", encerrou.

ISQUEIRINHO

A FIA divulgou a lista de coletivas do fim de semana do GP da Malásia e vai opor as parceiras em estado de guerra. Cyril Abiteboul, diretor da Renault, e Christian Horner, da Red Bull, vão estar na sala de coletiva/ringue na sexta-feira para o segundo assalto da F1 2015. Depois das trocas de farpas, o clima esquentou tanto que Abiteboul divulgou uma foto de um par de luvas de boxe que está levando para Sepang. Coisas de uma categoria mais agitada fora das pistas…

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube