Nasr se diz satisfeito com desempenho da Sauber, mas quer ter “gostinho de andar com pista seca” em Suzuka

Felipe Nasr se disse satisfeito com seu desempenho em Suzuka nesta sexta-feira (25), mesmo diante do aguaceiro que desabou sobre o circuito japonês. O piloto agora espera por tempo seco para a classificação. O brasileiro foi o nono colocado nos treinos livres

Felipe Nasr estava satisfeito quando saiu de seu Sauber nesta sexta-feira (25) em Suzuka, pista em anda pela primeira vez de F1. Apesar da chuva ter sido a protagonista do primeiro dia de atividades para o GP do Japão, a 14ª etapa da temporada 2015 do Mundial, o brasileiro apresentou um ritmo forte durante os 180 minutos de treinos e fechou o dia com a nona melhor marca, em 1min50s968. 
 
O tempo, entretanto, ficou distante 2s6 do líder Daniil Kvyat. Ainda assim, Nasr se mostrou contente com a evolução do carro suíço.
Felipe Nasr foi o nono em Suzuka (Foto: AP)
"Apesar da chuva nas duas sessões de treinos livres hoje, eu ainda estou muito satisfeito de ter consigo completar boas voltas hoje", afirmou o piloto de 23 anos, que vem de um décimo lugar no GP de Cingapura, disputado na semana passada.
 
"Como é um circuito novo para mim, foi importante aprender tudo o mais rápido possível. E nós fomos capazes também de coletar dados essenciais com pista molhada, o que pode ser bastante útil para os próximos treinos", completou Felipe, que, como a maioria, torce por uma trégua da chuva neste sábado.
 
"Amanhã, espero ter a meu primeiro gostinho nesse circuito em condições de pista seca. E isso será uma experiência bem diferente para mim, por isso estou ansioso", encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube