No cargo desde janeiro de 2012, presidente do GP da América renuncia

A menos de um ano de estrear no Mundial de F1, o GP da América sofreu uma baixa. O presidente da prova, Tom Cotter deixou a organização do evento. Suas funções serão divididas por dois executivos já envolvidos com o projeto

Tom Cotter, presidente do GP da América, prova que será disputada nas ruas de Nova Jersey e estreará no calendário da F1 no meio de 2013, renunciou a suas funções e deixará de exercer o cargo no fim deste mês. O anúncio foi feito por meio de um comunicado divulgado nesta segunda-feira (20).

Cotter explicou que deixou o cargo, que ocupava desde janeiro de 2012, para poder dedicar mais tempo a outros negócios com os quais está envolvido. O dirigente fez questão de deixar claro que sua saída não tem relação com possíveis problemas enfrentados pela organização, como Bernie Ecclestone, o todo-poderoso da F1, sugeriu recentemente.

Cotter permanecerá no cargo até o fim do mês (Foto: Divulgação)

“Tenho total fé na equipe por trás do GP da América e estou ansioso para sentar nas arquibancadas em uma corrida de nível mundial em 2013”, declarou Cotter, em nota.

As atividades antes desempenhadas por Cotter agora serão divididas por Dennis Robinson, engenheiro-chefe de operações do evento, e Richard Goldschimidt, assistente do promotor da corrida, Leo Hindery Jr.

“Estamos agradecidos pela liderança de Tom ao trazer a F1 a Port Imperial [região de Nova Jersey onde será montado o circuito]. Durante seu mandato, fizemos um grande progresso e estamos a menos de um ano de receber os melhores pilotos do esporte a motor em um circuito de rua que tem Nova York como pano de fundo”, afirmou Hindery Jr.

Em 2012, os Estados Unidos voltarão a receber a F1 após cinco anos. A penúltima etapa do campeonato deste ano acontecerá no dia 20 de novembro no Circuito das Américas, em Austin, a capital do Texas. A construção do autódromo está em fase terminal. No mês de junho deste ano, Sebastian Vettel e a Red Bull fizeram uma demonstração com um carro de F1 andando pelas ruas que farão parte do traçado urbano de Nova Jersey, às margens do Rio Hudson.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube