Novo CEO vê “trabalho pesado” como única saída para Williams: “Não há milagres”

A Williams tem um novo diretor-executivo. É Jost Capito, que chega para apoiar o projeto de longo prazo do Dorilton Capital, dono da equipe desde 2020. O alemão quer ver trabalho “pesado”

A Fórmula 1 divulgou uma simulação de volta no mais novo circuito de rua da Fórmula 1, Jidá, na Arábia Saudita (Vídeo: Fórmula 1)

Jost Capito topou um desafio de grandes proporções ao assumir o posto de diretor-executivo da Williams. Parte do projeto da Dorilton Capital de reerguer a gigante adormecida, o dirigente chega com experiência para dar e vender na tentativa de identificar e corrigir problemas. Ainda em fase incipiente de um plano de longo prazo, Capito já aponta: só o trabalho pesado vai tirar a escuderia da rabeira do grid na Fórmula 1.

“Eu não sou o cara que quer chegar em um lugar e só seguir fazendo o que já está rolando”, apontou, entrevistado pelo site oficial da Fórmula 1. “Eu preciso fazer mudanças, eu quero ser proativo. A Williams não pertence ao lugar em que está, ela precisa crescer no grid. Se eu puder ajudar e fazer parte disso, é uma coisa na qual tenho muito interesse”, seguiu.

“Já estive em situações assim algumas vezes. Eu sempre tento achar algo para melhorar. Nunca vou para um lugar que já tem tudo andando bem e que não pode melhorar. Você precisa primeiro de um projeto, com planos de longo, médio e curto prazo. Você detalha onde quer chegar com a equipe e quais são os passos até chegar lá. Não há milagres, não há balas de prata. É questão de disciplina e de trabalho pesado”, destacou.

JOST CAPITO; WILLIAMS; FÓRMULA 1; F1 2021;
Jost Capito assumiu em 2021 como novo CEO da Williams (Foto: Williams)

Capito já teve passagem por Sauber e McLaren na Fórmula 1, mas sem muito destaque. O destaque no currículo é a carreira na Volkswagen, onde foi diretor de automobilismo entre 2012 e 2016. No período, o alemão conduziu uma estrutura que dominou o Mundial de Rali por quatro temporadas.

Depois de passagem fracassada pela McLaren no segundo semestre de 2016, Capito retornou à Volkswagen. Na montadora, supervisionou projetos de carros de alta performance, isso até receber um convite da Williams.

“Eu estava falando com a Volkswagen sobre me aposentar, sobre fazer coisas aqui e ali que eu realmente gosto. Aí eu recebi uma ligação, com o pessoal do Dorilton perguntando se a gente poderia falar sobre o projeto na Williams. Você não pode dizer não para isso. Eu fui da aposentadoria direto para o maior desafio da minha carreira”, encerrou.

Capito começa sua nova jornada para valer já nesta semana. O GP do Bahrein, primeiro da temporada 2021 está marcado para 28 de março.

GUIA F1 2021
+F1 se prepara para duelo Hamilton x Verstappen em ano pandêmico e incerto
+Mercedes enfrenta revés com carro instável, mas abre temporada favorita
+Verstappen encara perspectiva de briga por título e desafio com Pérez
+Gasly muda de patamar e se mostra pronto para liderar AlphaTauri
+McLaren ganha reforços e mira consolidação no top-3 da Fórmula 1
+Alpine ousa com carro arrojado e mira top-3 no retorno de Alonso

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube