Organização do GP do Brasil anuncia que ingressos para etapa em Interlagos já estão à venda

A organização do GP do Brasil de F1 anunciou nesta sexta-feira (15) que os ingressos para a etapa tupiniquim do Mundial já estão à venda. A entrada mais barata custa R$ 525

Na esteira no início da temporada 2013 da F1, que acontece neste final de semana, em Melbourne, a organização do GP do Brasil anunciou nesta sexta-feira (15) que os ingressos para a etapa tupiniquim do Mundial já estão à venda. A rodada em Interlagos, que encerra novamente o campeonato, está marcada para os dias 22, 23 e 24 de novembro.

A comercialização dos bilhetes para a edição deste ano é feita por meio do site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br. A compra pode ser efetuada por meio dos cartões de crédito MasterCard e Visa, em até oito parcelas cujo número cairá gradativamente. Também são oito setores à disposição para escolha dos torcedores, além de quatro áreas VIPs. As entradas valem para os três dias de evento. 

Vettel conquistou o tricampeonato em Interlagos no ano passado (Foto: Bruno Terena/Grande Prêmio)
 
O ingresso mais barato para a prova é o do setor G, localizado na Reta Oposta, que sai por R$ 525. O mais caro em arquibancada custa R$ 2.720, com vista para o ‘S’ do Senna e a Reta Oposta. Já entre as áreas VIPs, o camarote Premium Paddock Club é o que tem valor mais alto: R$ 11.200.  Também é possível comprar ingressos para alguns setores pelo sistema de meia-entrada. Ainda de acordo com os promotores da prova paulistana, em 2013, o público terá telões nos setores A, G, M, B, E e F, além de monitores que serão instalados nos setores B, D, E e V. 
 
Em 2012, a corrida em São Paulo foi palco da decisão do título, que acabou nas mãos do alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, depois de uma dura batalha com Fernando Alonso, da Ferrari.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube