Pai diz que acusação de Verstappen contra Ferrari “não foi muito inteligente”

Jos Verstappen falou sobre a acusação de Max contra a Ferrari. Apesar de entender a visão do filho, admitiu que apontar o dedo para a escuderia de Maranello não é uma das melhores coisas a ser feita

Jos Verstappen comentou as acusações feitas por Max contra a Ferrari. O ex-piloto afirmou entender a postura do filho, apesar de reconhecer não ser uma das coisas mais inteligentes apontar o dedo contra o time.
 
No final de semana, a Red Bull chegou a entrar com um pedido na FIA para que as regras sobre fluxo de combustível fossem explicadas. Então, a entidade informou aos times o jeito correto de se montar o sistema.
 
Então, em Austin, a escuderia de Maranello teve um ritmo bastante abaixo do visto após as férias. Sebastian Vettel abandonou a corrida na oitava volta, enquanto Charles Leclerc terminou 52s atrás do ponteiro. Isso abriu espaço para o #33 fazer um comentário cutucando. "É o que acontece quando para de trapacear", disparou.
Sebastian Vettel e Charles Leclerc (Foto: Ferrari)

Jos saiu em defesa do filho, apesar de admitir que a declaração não foi das mais felizes. “Acho que todos sabemos que algo está errado, mas não pode dizer assim. Você nunca sabe o que exatamente aconteceu, mas podemos ver a partir dos dados que estão de repente muito lentos”, disse.
 

“Antes, ganhavam 0s7 a 0s9 nas retas e agora é apenas metade disso. Mas não pode realmente provar que trapacearam. No final, não pode provar, então não deve dizer muito sobre isso”, seguiu.
 
“Pode não ter sido muito inteligente dizer, mas entendo Max, quer vencer. Após as férias de verão, a Ferrari esteve muito rápida após o bom período da Red Bull. Eles têm sido incrivelmente rápidos, mas foram menos incríveis em Austin. Ainda rápidos, mas não mais tão extremamente rápidos”, completou.
 
É claro que a provocação de Verstappen rendeu respostas de Leclerc e Ferrari, que lamentaram a afirmaram ser “uma piada”. Até mesmo a Mercedes se envolveu na história, dizendo que existem chances da equipe italiana ter “jogado sujo”.
 

Paddockast #40
QUEM VOCÊ ENTREVISTARIA NO GP DO BRASIL?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

fo

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube