Pérez encabeça campanha do GP do México contra Trump e muro na fronteira com Estados Unidos

Sergio Pérez voltou a se opor ao muro entre Estados Unidos e México, proposta do presidente americano Donald Trump. O piloto da Force India topou fazer parte de uma campanha que visa valorizar o povo mexicano através do GP do México de F1

 
Sergio Pérez voltou a se manifestar para defender o povo mexicano. O piloto da Force India passou a fazer parte de uma campanha contra a proposta de construção de um muro ao longo de toda a fronteira entre Estados Unidos e México, uma das mais controversas propostas de Donald Trump, agora presidente americano. O movimento foi criado pela organização do Autódromo Hermanos Rodríguez e tem como objetivo usar o GP do México como uma forma de valorizar o povo mexicano.
 
Em sessão de fotos no Hermanos Rodríguez, Pérez é visto ao lado da hashtag #BridgesNotWalls – em tradução literal, ‘Pontes, não muros’.
 
“Eventos internacionais como o GP do México de F1 são uma oportunidade excelente para mostrar o que o povo mexicano é capaz de alcançar quando trabalha junto”, disse Pérez. Através dessa plataforma global, o México mostrou ser um bom destino. As corridas de 2015 e 2016 ganharam prêmios, e a de 2017 promete ser ainda mais memorável”, seguiu.
Sergio Pérez voltou a se opôr ao muro (Foto: Divulgação)
A proposta de Trump tem como objetivo acabar com a imigração ilegal de mexicanos em direção aos Estados Unidos. O problema é que não apenas o muro não resolve plenamente o problema migratório, como também cria litígio entre duas nações que têm um forte vínculo econômico. Além disso, Donald defende que os vizinhos paguem pelo muro, proposta vista como ultrajante pelos mexicanos.
 
fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube