Pérez minimiza incidente com Räikkönen no GP de Mônaco, mas afirma: "Ele arruinou minha corrida"

'El Pibe Loco' desconsiderou comentário ofensivo de Kimi após corrida, mas destacou que não fez "nada estúpido" e deu a entender que a preocupação maior deve ser dos pilotos da frente: "Eles são muito maduros e estão correndo pelo campeonato", afirmou o mexicano

 
No último GP de Mônaco, Sergio Pérez se envolveu em uma grande polêmica com Kimi Räikkönen. Em atuação até então inspirada, com belas ultrapassagens sobre Jenson Button e Fernando Alonso, o mexicano tentava roubar a quinta posição do finlandês, quando, na entrada da chicane após o túnel, não conseguiu evitar um toque de sua McLaren com a Lotus de seu adversário.
 
Ambos foram prejudicados pelo acidente. Kimi ainda conseguiu fazer duas últimas voltas alucinantes e salvou pelo menos um ponto ao cruzar a linha de chegada em décimo. Já Pérez foi o 16º e último entre os que completaram a prova.
 
Após o ocorrido, Räikkönen não escondeu sua raiva. Habitualmente afeito a declarações mais passionais, o nórdico afirmou que o mexicano "deveria levar um soco para ver se entende"
 
Só agora, quase duas semanas após a etapa de Monte Carlo, é que o mexicano se manifestou. E 'El Pibe Loco' não demonstrou nenhum lapso de arrependimento. Pelo contrário: crê que suas manobras foram corretas e também viu sua corrida prejudicada pelo finlandês.
Sergio Pérez: "Acho que não fiz nada estúpido" (Foto: Getty Images)
"Olhando para trás, em Mônaco, acho que toda manobra que você tenta fazer para ultrapassar as pessoas é no limite. Fiz várias manobras no limite, o que no final do dia trouxe um resultado que eu não estava esperando. Mas acho que as manobras foram feitas do jeito certo, acho que não fiz nada estúpido", disse Pérez em Montreal.
 
O piloto da McLaren também tratou de colocar panos quentes na declaração enraivecida de Räikkönen após a prova no Principado. 
 
"Acho que isso é apenas após a corrida. No fim do dia, somos humanos. Você está muito irritado, muito chateado, e imediatamente você quer criticar alguém", argumentou. "Eu senti que ele arruinou minha corrida, ele sentiu que eu arruinei a dele, então é muito fácil fazer um comentário logo após a corrida."
 
Pérez voltou a minimizar o incidente e deu a entender que em uma disputa com pilotos como Alonso e Räikkönen, a preocupação maior em evitar um acidente deve ser deles, já que ambos estão na disputa pelo título.
 
"Não estou preocupado. Primeiro porque eles são pilotos muito maduros, e segundo porque estão correndo pelo campeonato. Acho que Kimi lamenta mais a perda de pontos na última corrida, então acho que nós todos somos muito maduros e não há nada para levar adiante para as próximas corridas. Temos que lutar, e se eu estiver na mesma posição, vou lutar de novo e tentar ser o mais limpo possível."
 
Para 'Checo', no entanto, as críticas foram maiores pelo fato de ele estar, hoje, em um time de ponta como a McLaren. O mexicano relembrou sua atuação em Monte Carlo pela Sauber, em 2012. "Com certeza, se você olhar para minha corrida em Mônaco no ano passado, larguei em último e fiz talvez cinco ou seis ultrapassagens na chicane. Ninguém falou nada."

"Então acho que quando você está na McLaren, os holofotes estão sobre você. As pessoas comentam muito sobre o que você faz certo ou errado, então acho que você ganha mais atenção", completou o piloto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube