Pirelli anuncia escolha de pneus por piloto para GP do Canadá. Hamilton e Rosberg optam por combinação idêntica

Assim como foi em Mônaco, os pneus macios, supermacios e ultramacios serão enviados pela Pirelli para o GP do Canadá, entre 10 e 12 de junho. Na luta pelo título, Nico Rosberg e Lewis Hamilton optaram pela mesma combinação dentre os 13 jogos de pneus disponíveis. Já as duplas de Haas e Renault definiram que não vão usar os supermacios, não-obrigatórios em Montreal

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;

google_ad_slot = “5708856992”;

google_ad_width = 336;

google_ad_height = 280;

Restando pouco menos de duas semanas para a disputa do GP do Canadá, sétima etapa da temporada 2016 do Mundial de F1, a Pirelli anunciou nesta terça-feira (31) a definição dos 13 jogos de pneus que vão ser usados por cada um dos 22 pilotos no fim de semana em Montreal, entre 10 e 12 de junho. A fábrica de Milão vai levar para a América do Norte os compostos macios, supermacios e ultramacios, repetindo a combinação usada no GP de Mônaco.
 
Nico Rosberg e Lewis Hamilton, pilotos da Mercedes que despontam como grandes postulantes ao título, vão usar a mesma combinação em Montreal: três jogos de macios, dois de supermacios e oito de ultramacios. 
 
A dupla da Ferrari, formada por Sebastian Vettel e Kimi Räikkönen, também vai compartilhar da mesma escolha: tanto o tetracampeão como o ‘Homem de Gelo’ vão usar, cada um, três jogos de pneus macios, outros três de supermacios e sete de ultramacios. Felipe Massa também vai partir para a mesma combinação da dupla da equipe italiana.
A Pirelli divulgou as escolhas de pneus por piloto para o GP do Canadá (Arte: Pirelli)
Já Daniel Ricciardo e Max Verstappen, da Red Bull, equipe que cresceu de forma destacada nas últimas corridas, vão com quatro jogos de pneus macios, dois de pneus supermacios e sete de ultramacios. Felipe Nasr seguirá Marcus Ericsson, seu companheiro de equipe na Sauber, e vai para Montreal com dois jogos de macios, cinco de supermacios e seis de ultramacios.
 
Chama a atenção a escolha de duas equipes para o fim de semana no Canadá. Dentre os três tipos de pneus disponíveis, Renault e Haas não optaram por nenhum jogo de supermacios, que não são de uso obrigatório em Montreal.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;

google_ad_slot = “5708856992”;

google_ad_width = 336;

google_ad_height = 280;

Jolyon Palmer e Kevin Magnussen vão para o Canadá escolhendo cinco jogos de pneus macios e oito de ultramacios. Já a norte-americana Haas, que vai correr perto de casa em Montreal, vai ser o time que mais vai usar os ultramacios. Tanto Romain Grosjean quanto Esteban Gutiérrez escolheram dez jogos dos pneus roxos e outros três de macios.

 
PADDOCK GP #30 DEBATE INDY, F-E E MOTOGP

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube