Polícia italiana prende dois suspeitos de roubar itens raros de Senna da casa de colecionador

Roubo foi na cidade de Isola d'Asti no último dia 11 de julho. Itens afanados, capacete, macacão e par de luvas estão avaliados em R$ 1,8 milhão

A polícia das cidades de Canelli e Castagnole Lanze, na Itália, prendeu dois homens acusados de roubar itens que foram de Ayrton Senna e atualmente pertencem a um colecionador local. Na ação, foram roubadas um capacete, um par de luvas e um terno onde estava uma miniatura da Williams que Senna guiou em 1994. Os itens foram recuperados.

Somados, os itens roubados valiam € 300 mil – equivalente a R$ 1,8 milhão na cotação do dia. O roubo aconteceu no última dia 11 de julho, na cidade de Isola d’Asti, no Piemonte.

O colecionador em questão é Sergio Pregno, colaborador do Instituto Ayrton Senna e que comumente cede material para exposições e demonstrações pelo mundo, assim como para caridade.

Os dois acusados são Dabide Robba, de 32 anos, e Danilo Martucci, de 31. Ambos já contavam com antecedentes criminais e foram colocados em prisão preventiva até o julgamento. As informações são do jornal local ‘Corriere Torino’, afiliado do ‘Corriere della Sera’.

De acordo com a polícia, os telefones celulares dos suspeitos continha fotos de toda a coleção de Pregno relacionada a Senna buscando respostas sobre quanto seria possível abarcar no mercado do crime.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube