Por coronavírus, F1 instala pontos de quarentena e suspende viagens não essenciais

Na semana da abertura da temporada 2020, a Fórmula 1 anunciou uma série de medidas tomadas com a intenção de atenuar os efeitos do coronavírus

GUIA 2020
_Coronavírus e polêmica no caso FIA/Ferrari abrem ano de espera por revolução
_Antes da revolução de 2021, F1 traz mudanças apenas pontuais no regulamento
_Fórmula 1 2020 teria a maior temporada da história. Mas aí surgiu o coronavírus
_Liberty Media precisa provar valor em temporada de novo Acordo da Concórdia

Apenas alguns dias antes da estreia da temporada 2020 do Mundial de Fórmula 1, a categoria anunciou medidas de saúde e segurança para poder realizar os próximos eventos. As novidades, claro, são em virtude do crescimento exponencial do número de casos do Covid-19, doença originada do coronavírus. Entre as medidas anunciadas estão a instalação de pontos de quarentena para casos identificados como suspeitos e melhora das condições sanitárias nos circuitos.

 
O comunicado da F1 fala em ações condizentes com aquelas indicadas pelo Centro Público de Saúde da Inglaterra, como a suspensão de todas as viagens que não forem obrigatoriamente essenciais. Tudo isso reforça o que a organização chama de "abordagem científica".
 
"A saúde e a segurança dos fãs da F1, familiares e sociedade em geral são sempre fundamentais. Com a contínua expansão do Covid-19 e seu impacto nas comunidades globais, a F1 mantém um diálogo constante com promotores, órgãos governamentais e autoridades de saúde especializadas para garantir a proteção de todos dentro e ao redor do esporte", disse.
 
"A Fórmula 1 está adotando uma abordagem científica do surto para ajudar a avaliar e a implementar as etapas apropriadas necessárias para minimizar riscos e proteger todas as pessoas", falou.
GP da China 2019 (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

"O Bahrein tomou a decisão de realizar o GP deste ano como um evento exclusivo para participantes – parte de um conjunto mais amplo de medidas proativas implementadas pelo país para limitar a propagação do vírus. O Bahrein também vai implementar procedimentos de triagem nos centros médicos especializados e de entrada no local, além de melhor saneamento no circuito, estações para a limpeza das mãos e protocolos médicos específicos para gerenciar qualquer caso suspeito do Covid-19", seguiu.

 
"O GP da China, originalmente previsto para 17 e 19 de abril, foi adiado", reiterou.
 
"Devido à natureza fluida do vírus, a F1 vai continuar com uma abordagem científica da situação, agindo sob orientação diária das autoridades oficiais de saúde e nas orientações ou medidas que cada promotor deve adotar", afirmou.
 
"A própria F1 implementou uma série de medidas com base nos conselhos do Centro Público de Saúde da Inglaterra, incluindo a suspensão de todas as viagens não essenciais. Equipes de especialistas dedicadas serão colocadas nos aeroportos, pontos de trânsito e circuitos para proteger as pessoas, focando no diagnóstico, gerenciamento e extração de casos suspeitos. Pontos de quarentena sob medida estão sendo instalados pelos promotores para todos os casos suspeitos", encerrou.
 
O GP da Austrália do próximo fim de semana acontece normalmente, ao menos até a segunda ordem, ao passo que o GP do Bahrein será realizado com os portões fechados. Quanto à prova seguinte, o Vietnã, ainda se trata de um mistério. 

Paddockast #51
QUEM VENCEU DRIVE TO SURVIVE 2

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube