Por coronavírus, McLaren admite preocupação com GP do Vietnã e fala em evitar risco

Zak Brown, diretor-executivo da McLaren, deixou claro que há, sim, um temor com relação ao bem-estar dos envolvidos diretamente com a Fórmula 1. Por isso, há a dúvida quanto ao futuro da prova vietnamita

A Fórmula 1 já confirmou que o GP da China de 2020 está oficialmente adiado – e, por conta da dificuldade de datas, a chance de cancelamento é real. Mas o que será do GP do Vietnã, país vizinho à China? O diretor-executivo da McLaren, Zak Brown, confirmou a preocupação e destacou a necessidade de cuidado para não colocar os funcionários em risco.
 
Hanói, capital do Vietnã e sede da prova, está a apenas algumas horas de distância da fronteira chinesa, o que preocupa. Embora a F1 rejeite a possibilidade de adiar a corrida, há quem deixe aberto o medo do que pode acontecer.
 
"É óbvio que o bem-estar da McLaren e do mundo, de forma geral, é de suma importância. Vietnã ainda não é um problema em potencial, mas obviamente está bem perto, é vizinho da China, então seguiremos acompanhando a situação", afirmou o diretor da McLaren.
O traçado de Hanói (Foto: F1/Twitter)
"Definitivamente não faríamos nada que colocasse o nosso pessoal em risco. Não acho que a F1 vá fazer isso, então acredito, como o resto do mundo, que precisamos apenas controlar a situação", encerrou.
 
Até ontem, no momento da confirmação do adiamento do GP da China, o coronavírus já contava com 1.115 vítimas fatais somente na China, deixando também 45 mil casos confirmados. Ainda, se espalhou oficialmente por 28 países e causou uma morte confirmada no Japão. Os números fizeram com que o coronavírus passasse a ser considerado como Emergência de Saúde Pública global pela Organização Mundial de Saúde, a classificação mais grave possível.
 
O GP do Vietnã é a terceira etapa do campeonato e está marcado para o dia 5 de abril, duas semanas antes do que seria a prova chinesa em Xangai. O campeonato abre com o GP da Austrália, em 15 de março.
 

Paddockast #47
FORD vs FERRARI

Ouça:

Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube